São Paulo é eleita pelo site da Nestpick, como a melhor cidade da América Latina para pessoas LGBT - São Paulo São

A pesquisa foi feita em mais de 80 países com cerca de 2.500 pessoas LGBT. Os entrevistados davam até cinco estrelas para os critérios analisados, que incluíam: relacionamento amoroso com outras pessoas LGBT, vida noturna e se os cidadãos eram abertos a pessoas LGBT. Nestes itens, São Paulo se destacou e teve quase nota máxima, com 4.57, 4.75 e 4.36, respectivamente.

Outro item analisado pelos pesquisadores foi a questão da segurança. Para isso, foram usados dados públicos fornecidos pelos departamentos de polícia de cada uma das 100 cidades sobre o número oficial de crimes de ódio per capita relatados em 2016. A cidade com o menor número de crimes relatados recebeu uma pontuação de segurança máxima de cinco estrelas, enquanto a cidade com o maior número de crimes recebeu uma pontuação mínima de uma estrela.

Os direitos LGBT também não foram esquecidos. Uma nota máxima de cinco estrelas foi concedida aos países que permitem o casamento e adoção por casais do mesmo sexo, além de o direito de os cidadãos LGBT servirem nas forças armadas e de mudarem sua identidade de gênero legalmente.

A pesquisa

A pesquisa levou em conta três fatores, votados por moradores de cada local: a facilidade de se relacionar com outros LGBTs, a cena noturna e a abertura da população à homossexualidade. Também considerou indicadores de segurança pública e direitos à população LGBT, como adoção, casamento igualitário, criminalização da homofobia e a presença de delegacias especializadas.

São Paulo chegou perto da nota máxima nos três primeiros quesitos (relacionamento, vida noturna e abertura), mas foi reprovado no fator segurança: ficou com 1,12, de 5 pontos.

A campeã geral do ranking – que está disponível no site da Nestpick – foi a capital espanhola, Madri. Confira as dez primeiras da lista:

1. Madri (Espanha)
2. Amsterdam (Alemanha)
3. Toronto (Canadá)
4. Tel-Aviv (Israel)
5. Londres (Reino Unido)
6. Berlim (Alemanha)
7. Brighton (Reino Unido)
8. Barcelona (Espanha)
9. Nova York (Estados Unidos)
10. São Francisco (Estados Unidos)

Apesar de ter recebido uma boa nota nos três fatores de estilo de vida (relacionamento amoroso, vida noturna e abertura dos cidadão), São Paulo caiu na lista por causa de sua nota na questão de segurança, em que ficou com 1,12, de 5 pontos.

Fonte: iGay - iG.