Com foco nos artistas da região, Mostra de Arte de São Francisco Xavier começa dia 1º de julho - São Paulo São

User Rating: 0 / 5

A MAC-SFX 2017 (Mostra de Arte e Cultura de São Francisco Xavier 2017) começa no próximo 1º de julho e segue até o final do mês de julho no distrito de São José dos Campos, interior de São Paulo. A mostra, que acontece a cada dois anos, tem como objetivo despertar na comunidade a importância da preservação do patrimônio histórico, cultural e artístico do distrito. 


A exposição de obras será mais uma oportunidade para valorizar o trabalho dos artistas locais. João Manccini é um dos exemplos. Ele participa do grupo Usina 14 e já realizou diversas exposições individuais e coletivas, em salões e bienais no estado de São Paulo e é dono de alguns dos principais prêmios da área. Manccini desenvolve projetos nas técnicas de desenho, pintura, escultura, objetos, colagem e vídeo instalação.

Outro artista que estará na MAC-SFX 2017 é Roberto Pitella. Artista visual, ele faz imagens a partir de fotografias. A memória, o desejo, as dores e delicadezas da vida são seus principais projetos de criação. 

Quem também estará na exposição é Carlos Eduardo Finochio, profissional cuja obra se concretiza a partir de um processo de diálogo com a tela, ainda em branco, onde as cores e formas são compostas com total espontaneidade. 

Fragmento de acrílico sobre tela, sem titulo de Carlos Eduardo Finochio. Imagem: Divulgação.Fragmento de acrílico sobre tela, sem titulo de Carlos Eduardo Finochio. Imagem: Divulgação.Friederike Mundt também irá expor seu trabalho. Nascida na Alemanha, Fried, como é conhecida na cidade, expressa sua arte com técnicas variadas. O seu trabalho se aproxima do expressionismo abstrato.

Christel Runte também é uma artista que nasceu na Alemanha e fez de São Francisco Xavier sua casa. Sua arte é a fotografia de forma lúdica, tendo passado por várias fases distintas, quase sempre com interferências digitais. No trabalho que será apresentado na MAC 2017, ela retornou à fotografia quase sem pós-tratamento, “imagens que marcam a presença indelével da nossa passagem”.

Christel Runte também é uma artista que nasceu na Alemanha e fez de São Francisco Xavier sua casa. Foto: Divulgação.Christel Runte também é uma artista que nasceu na Alemanha e fez de São Francisco Xavier sua casa. Foto: Divulgação.Lalau Stefan Patay, húngaro, fotografa profissionalmente desde 1962. Autodidata, ele já trabalhou em laboratório fotográfico, cinematográfico e audiovisual. Já atuou no mercado institucional, comercial e industrial. Na MAC-SFX 2017 Patay vai mostrar trabalhos que usaram a técnica “pinhole”.

A exemplo da edição de 2015, quando participaram 78 artistas, as seis salas do Casarão da Fazenda da Prefeitura de São José dos Campos, um dos poucos, senão o único modelo da arquitetura dos anos 1920, irá abrigar as obras durante o mês de julho. A exposição será aberta ao público gratuitamente, de quinta a segunda-feira, das 10h às 18h. A comunidade da área urbana e rural também poderá desfrutar de visitas guiadas.

“A mostra pretende, entre outras ‘provocações’, incentivar o resgate das tradições e mesclar jovens talentos a artistas profissionais. A ideia é estimular e aprimorar os trabalhos para promover a inclusão social e cultural dos moradores”, diz Fátima Gilberti, diretora geral da MAC-SFX.

Filmes

O curta-metragem “Irene” conta a história de Irene, uma senhora que vive reclusa numa casa de campo. Foto: Pepe Mendes / Maria João Filmes.O curta-metragem “Irene” conta a história de Irene, uma senhora que vive reclusa numa casa de campo. Foto: Pepe Mendes / Maria João Filmes.A Mostra de Arte e Cultura também vai exibir alguns filmes – ao todo serão seis, divididos entre longas e curtas metragens. Um deles será “Mil Carolinas, um Brasil”, de Carol Lobo, Mayara Ramos e Beth Costa, que retrata pessoas do Vale do Paraíba que vivem em situações extremas, como fome, preconceito racial e sexual. O filme será exibido em duas ocasiões: nos dias 14 e 28 de julho, às 18h30.

“Fome”, com direção de Cristiano Burlan será outro longa na MAC-SFX 2017. Ele conta a história de um homem que abandona o seu passado para viver na invisibilidade de São Paulo. “Fome”, que será exibido dia 21 de julho, às 20h, conquistou prêmio de Melhor Filme, Direção, Fotografia e Ator para Jean-Claude Bernardet no 7º Festival Internacional de Cinema da Fronteira.

“Mataram Meu Irmão”, outro filme de Cristiano Burlan, também será exibido na MAC-SFX 2017. Vencedor do festival “É Tudo Verdade 2013” com os prêmios de Melhor Filme do Júri Oficial e da Crítica, ele discute a violência que se faz presente nos bairros da periferia de São Paulo.

Já na sessão de curtas, o destaque é “Irene”, que mostra uma senhora solitária que vive reclusa numa casa de campo. Quando sua neta Nanda decide aparecer inesperadamente para uma visita, junto com sua amiga Ana, a reclusão de Irene é perturbada e ela começa a reviver sentimentos que pareciam estar esquecidos. 

Também serão exibidos outros curtas – “Submundo – Sinédoque de Metalepse”, dirigido por Daniel Mazini, e “À Espera”, de Nivaldo Vasconcelos. Os dias e horários da exibição dos filmes podem ser conferidos na página da MAC-SFX no Facebook (@MACSFX). 

Outras atrações

Teresa de Almeida Prado e Edes Francesca Dalle Molle em cena. Foto: Divulgação.Teresa de Almeida Prado e Edes Francesca Dalle Molle em cena. Foto: Divulgação.Além da exposição e da exibição de filmes, a MAC-SFX 2017 também vai apresentar uma peça de teatro. “Deliciosa Insensatez” é uma comédia de costumes contemporâneos, com esquetes que retratam situações hilárias do dia a dia comentados e costurados por sons e música ao vivo. O objetivo da comédia, que será apresentada dia 7 de julho, às 19h, e no dia 16 de julho às 16h30, é fazer com que o público se identifique com as situações apresentadas, e perceba por meio do humor a insensatez que está por trás de várias ações que realizadas habitualmente no cotidiano. 

Já o documentário “Guerra da Independência na Bahia” detalha os conflitos ocorridos na região entre portugueses e brasileiros, que tiveram seu desfecho no dia 2 de julho de 1823 com vitória brasileira e ruptura política entre os dois países. O documentário, que será exibido dia 22 de julho, às 15h, tem narração da atriz Zezé Motta. 

Alunos

A MAC-SFX é uma iniciativa independente dos artistas do distrito, que acontece a cada dois anos. Foto: MAC Momentos 2016.A MAC-SFX é uma iniciativa independente dos artistas do distrito, que acontece a cada dois anos. Foto: MAC Momentos 2016.Os alunos das escolas públicas do distrito terão um período exclusivo para visitação, entre os dias 1º e 15 de agosto. A estratégia é promover a inclusão cultural e social dos jovens com a MAC-SFX 2017.  Para tanto, os artistas acompanharão os estudantes nas visitas, com o objetivo de promover total interação com as obras de arte. Os artistas também realizarão atividades com os estudantes.

Durante todo mês de julho, além da exposição de artes visuais, serão realizados nos finais de semana 16 apresentações de estilo musical variado, que vai da viola caipira ao hip hop, com músicos e grupos da cidade e convidados. As apresentações acontecerão em uma tenda montada na área externa do Casarão da Fazenda, como o antigo curral, salas de depósito, ou ao ar livre. Essas atividades também serão abertas ao público em geral. 

Ainda estão programadas as apresentações de 12 grupos de artes cênicas - dança, performance e teatro -, com artistas locais, também nos finais de semana de julho, nas áreas externas do Casarão, na tenda ou ao ar livre, dependendo da linguagem de cada atividade.

Shows de música também fazem parte da programação durante. Os gêneros são variados, vão desde grupo de viola caipira e regional, passando pela MPB, até música experimental, pop, rock e jazz.

Oficinas de arte também estão previstas: cerâmica, madeira, mosaico, desenho, confecção de pipas, carimbo, oficina de zines, pintura em tela, entre outras técnicas, que serão ministradas por artistas presentes ou não na MAC-SFX 2017. Elas também estarão abertas ao público em geral e acontecerão nas salas externas do Casarão, das 14h às 18h.

Visite a página do MAC-SFX 2017 no Facebook

***
Com informações de Neusa Spaulucci e Vinicius Novaes / Assessoria de Comunicação da Mostra.