8 startups co-fundadas por mulheres paulistas que você tem que conhecer - São Paulo São

User Rating: 0 / 5


Sabemos que Tecnologia, Mulheres e startups é um encontro de sucesso, porém essa semana, a revista Exame, ilustrou apenas com homens a sua capa sobre empreendedorismo digital.

Fizemos uma seleção de 8 startups incríveis que descobrimos no Case 2015 e que você tem que conhecer. Essas startups já estão funcionando, já tem produtos no ar,  e dados de crescimento interessantes, porém as escolhemos por uma razão especial: todas elas tem uma mulher entre os co-fundadores.

Por ser o maior evento para startups da America Latina, a cada ano reúnem -se no CASE muitos empreendedores com empresas e projetos bem legais. Esse ano o evento além da oportunidade de colocar o papo em dia sobre todos os assuntos que ocupam as mentes do eco-sistema empreendedor, também proporcionou conhecer os projetos que estão rolando com sucesso, e claro, ficar de olho no ano que vem.

Boa leitura!

Segue a seleção das 8 startups de tecnologia co-fundadas por mulhereres e que você tem que conhecer! 

1) Agrosmart – Mariana Vasconcelos

A empresa Agrosmart, vencedora do Demo Brasil 2015 no Case é um aplicativo que promete conectar os agricultores às suas plantações afim de tornar as atividades do campo mais inteligentes. Com o uso de sensores, dados meteorológicos, processamento de imagens entre outros, fornece ao agricultor o monitoramento de diversas variáveis em tempo real para agricultura de precisão.

2) Contentools – Emilia Chagas

A Contentools é uma plataforma pioneira de gestão e automação de marketing de conteúdo. A primeira versão dessa plataforma criada para otimizar os processo e garantir melhores resultados para times de marketing internos, agências e pontos digitais foi lançada em 2013. Hoje a Contentools conta com clientes como Zendesk e Descomplica e acabou de lançar uma versão para o mercado americano com a abertura de um escritório no Valley. A empresa que foi financiada com o dinheiro das próprias vendas por muito tempo, teve 2M de faturamento no ano passado.

3) Emotion Me – Bruna Bittencourt 

O Emotion Me é o primeiro one-stop-shop de casamento do Brasil que já auxiliou mais de 35 mil casamentos desde seu lançamento em 2012. Com servicços de acesso a mais de 3000 fornecedores e a criação de uma agenda de mais de 80 tarefas, a ferramenta é uma das mais completas do mercado. O Emotion Me esta numa fase de escalar a empressa e buscando parcerias estratégicas.

4) Incast – Vera Kopp 

A InCast é um marketplace de recrutamento de profissionais da economia criativa. A plataforma lançada em janeiro 2015 já conta com mais de 12.000 professionais cadastrados e trabalhando frequentemente. Artistas e equipe técnica de produção que atuam em TV, Cinema, Teatro, Eventos, Rádio, Música e Produções Publicitárias que procuram oportunidades no Brasil ou em Los Angeles podem registrar-se nesse “linkedin” focado no entretenimento e mídia. Se você é um profissional do mercado, talento, equipe de produção, influenciador, etc.,  inscreva o seu perfil na inCast.com.br

5) Tagarela – Georgia Carapetkov

O Tagarela é um aplicativo “gamificado” que possibilita que empresas façam diferentes tipos de pesquisas de mercado e que os usuários respondam de forma divertida e sejam remunerados por isso. Lançado em março de 2015, o aplicativo já é utilizado por pessoas em todo o Brasil. Já existem versões para Android e IOS e ele pode ser facilmente replicado para outros países. O Tagarela conta com uma equipe fundadora 100% feminina com especialistas em pesquisa de mercado, marketing, comunicação, usabilidade, arquitetura de informação e finanças.

6) Tem açúcar – Camila Carvalho

É um site que facilita o compartilhamento de coisas entre vizinhos através de empréstimos e doações. O site tem como objetivo ajudar as pessoas a economizar dinheiro, incentivar o consumo mais consciente, e também ajudar as pessoas a se conectarem para recriar uma sensação de comunidade. O site lançado em janeiro 2015 já tem 62.000 usuários cadastrados, com uma chance de 45% de sucesso para os pedidos serem respondidos por vizinhos.  Está numa fase de captação de investimento afim de desenvolver um aplicativo que vai complementar o site.

7) Timo Kids – Fabiany Lima

O Timokids é um aplicativo para celulares e tablets que leva, para mamães e crianças do mundo todo, historias e jogos socioeducativos ilustrados em 3D, narrados e legendados em diversos idiomas. A ferramenta de entretenimento educativo está presente em mais de 190 países e conta com mais de 80 .000 downloads. Todas as historias do Timokids são narradas e legendadas em vários idiomas para atingir um mercado maior.

8) Trustvox – Tatiana Pezoa

Confiança online é um desafio com grandes oportunidades! Para a Trustvox, a sinceridade não tem preço! Essa empresa define-se como uma certificadora de reviews e garante aos seus clientes que eles podem confiar nas opiniões e avaliações publicadas em sua loja. Embora tenha menos de 2 anos e tenha começado sem um modelo de negócio aprovado no mercado, a Trustvox, hoje conta com mais de 450 clientes entre os quais o Boticário, o Staples e o Polishop.

***
Fonte: Girls In Tech.