Prefeitura reabre Planetário Parque do Carmo - São Paulo São

User Rating: 0 / 5


A Prefeitura reabriu, neste domingo (8), o Planetário do Carmo, na zona leste. Localizado no Parque do Carmo Olavo Egydio Setúbal, este importante patrimônio histórico, científico e cultural da cidade, que estava fechado desde 2007, foi reformado para se transformar em um dos mais modernos espaços dedicados à astronomia no mundo, contribuindo para a popularização do conhecimento científico.

“Foram feitos todos os reparos, com a melhor tecnologia. Nós estamos seguros de que estamos devolvendo o planetário para a cidade em condições de funcionar por muitos anos, sem interrupções. É um movimento de modernização dos equipamentos da cidade, para que a população possa usufruir e se apropriar do que é dela”, afirmou o prefeito Fernando Haddad, que assistiu nesta manhã à sessão inaugural do planetário, acompanhado de Ana Estela Haddad, primeira-dama e coordenadora da São Paulo Carinhosa.

Com uma área de 1.750 metros quadrados, o prédio possui uma cúpula de 20 metros de diâmetro e sala de projeção com capacidade para 230 lugares. As poltronas em posição unidirecional permitem que os usuários visualizem a representação do céu visto da Terra em qualquer época e latitude do nosso planeta.

A sessão de inauguração foi especialmente dedicada ao público infantil, com a projeção de “O Aniversário de Pingo”, que conta a história de um menino de 10 anos que ganha um presente de aniversário especial do avô astrônomo. Na atividade, as crianças realizam uma viagem pelas estrelas, planetas e constelações, com explicações científicas em linguagem simples e divertida.“Eu moro aqui pertinho, do outro lado da rua, e nunca vim ao planetário. Hoje nós vamos conhecer. É muito bom ter uma atividade como esta aqui na comunidade, porque incentiva a curiosidade das crianças para as ciências”, avalia Clara Apolinário, 30 anos, que assistiu à projeção com seu filho Rafael, 8 anos. O passeio no planetário era o começo da programação da dupla para o Dia das Mães, comemorado neste domingo.

Foto: Cesar Ogata / Secom.

Estrutura

Além do cuidado minucioso com a reforma, o espaço ganhou recursos modernos e equipamentos importados para oferecer aos visitantes projeções que permitam uma visão nítida. As imagens das constelações, dos astros e seus movimentos são projetadas por equipamento de última geração, localizado no centro da sala.

Na cúpula, as estrelas são representadas por meio de 9.000 pontos de fibra ótica. Além disso a precisão de detalhes da projeção é garantida por 109 lentes. “As estrelas têm uma cintilância diferente, por termos um equipamento muito avançado. Além do projetor no meio, temos projetores nas laterais e animações”, explica Mônica Borba, diretora da Universidade Aberta do Meio Ambiente e Cultura da Paz (Umapaz), responsável pelo espaço.O planetário tem ainda um celóstato para observação do Sol, sala de aula e espaço para exposições. Uma esplanada cósmica, estrategicamente posicionada atrás do prédio, disponibiliza dois telescópios e contará com atividades monitoradas.Para auxiliar a população, o planetário conta com uma equipe de profissionais com experiência de trabalho no Planetário do Ibirapuera, reaberto em janeiro deste ano, com novos professores e programadores. Esses técnicos são responsáveis por atividades como cursos, palestras e observações. A programação é gratuita e aberta ao público, principalmente para escolas.

Foto: Cesar Ogata / Secom.

Planetários

Com o objetivo de tornar o conhecimento científico cada vez mais acessível ao público geral e escolar, os planetários são espaços para o ensino não formal de Astronomia e ciências relacionadas.Os equipamentos têm como característica salas de projeção com cúpula e cadeiras com disposição circular, possibilitando a representação de fenômenos astronômicos como eclipses, chuva de meteoros e os movimentos da Terra.Com a reabertura dos planetários no Parque do Carmo e no Ibirapuera, a cidade passa a contar com dois espaços que, além de opção de lazer para os paulistanos, são indispensáveis para o ensino de Astronomia básica.

Atendimento ao público

O planetário atenderá o público em geral aos sábados e domingos, às 10h, 12h, 15h e 17h. As senhas para assistir às sessões serão distribuídas com uma hora de antecedência. A faixa etária para entrada é a partir dos 5 anos de idade.Nos meses letivos de março, abril, maio, junho, agosto, setembro, outubro e novembro, assessões para escolas acontecerão de quarta a sexta-feira, às 9h, 10h30, 14h e 15h30. Para agendar, é necessário entrar em contato pelo e-mail:[email protected]

Planetário do Carmo
Parque do Carmo Olavo Egydio Setúbal - Rua John Speers, nº 137.

Informações adicionais:

Atividade gratuita
Faixa etária: a partir dos 5 anos (mediante apresentação de documento de identidade).
Duração de cada sessão: 30 minutos.
Lotação máxima: 230 pessoas.
Local com ar condicionado, sem guarda-volumes.

Atendimento preferencial
11 senhas para pessoas com deficiência + 11 para acompanhantes, 4 locais para cadeirantes.
11 senhas para gestantes, obesos e idosos (mediante apresentação de documento de identidade) + 11 para acompanhantes.
Todos os atendimentos prioritários têm direito a um acompanhante. Caso as vagas preferenciais não sejam preenchidas, as senhas serão distribuídas ao público 5 minutos antes da sessão.

Como chegar
Quatro linhas de ônibus passam pelo local:

N438 -11 Metrô Itaquera  – Hospital Sta. Marcelina.
3796 -10 Gleba do Pêssego  – Metro Itaquera.
253F -10 Terminal  A.E. Carvalho  - Terminal São Mateus.
4008 -10 Jardim Cibele - Terminal Vila Carrão.

***
Fonte: Secretaria Executiva de Comunicação / Portal da Prefeitura.