Faculdade de medicina lança 2ª edição do Almanaque da Saúde

A faculdade de medicina FACERES encerra o ano de 2023 resgatando uma memória afetiva por meio da leitura com foco em orientações de saúde. A instituição lança a segunda edição do Almanaque da Saúde, obra que concretiza a integração ensino-pesquisa-extensão. A produção é organizada pelas Ligas Acadêmicas em conjunto com o setor de pesquisa do curso de medicina.

O Almanaque da Saúde da FACERES é inspirado nos tradicionais almanaques de farmácia que traziam informações de forma lúdica e criativa para a população em geral.

No Brasil, o pioneiro na redação de almanaques foi Monteiro Lobato, através do personagem Jeca Tatu, retratado como um matuto com lombriga e anemia que necessitava do complemento ferroso. Esse contexto deu origem ao mais famoso de todos, o Almanaque Fontoura, usado como meio publicitário para divulgar o Biotônico Fontoura, criado pelo farmacêutico brasileiro Cândido Fontoura.

Distribuído como brinde de fim de ano pelas farmácias em todo o país, o almanaque tornou-se icônico. Outros produtos medicinais, como Sadol, Elixir Nogueira, Emulsão Scott e o tônico Capivarol, também adotaram essa estratégia para promoção.

A FACERES resgata essa antiga tradição brasileira que remete à memória daqueles que vivenciaram ou conheceram o periódico.

“A concepção do Almanaque da Saúde surgiu durante as discussões sobre diferentes formas de orientação em saúde para a população, com a criação de um material em linguagem acessível, seguindo os padrões existentes há mais de um século”, declara o diretor da faculdade, Dr. Toufic Anbar Neto.

Talita Valentino, coordenadora de pesquisa da FACERES, diz que o Almanaque pode capacitar as pessoas a tomar decisões informadas sobre sua saúde e a adotar hábitos de vida saudáveis, pois oferece orientações baseadas em evidências, e torna-se um recurso confiável para a comunidade local de forma educativa e lúdica. “O Almanaque da Saúde pode ser considerado uma publicação que reflete o compromisso da instituição de ensino superior com o conhecimento e a saúde da comunidade, ou seja, educação em saúde e a responsabilidade social”, explica Talita.

Nessa edição, a confecção do periódico foi dividida em discussões sobre os temas de saúde, com foco para o uso orientado de plantas medicinais, produção do conteúdo voltado à prevenção e à promoção da saúde, adequação ao formato de Almanaque e edição.

Para a aluna da turma 19, Giulia Aparecida Regiani, participar da confecção do periódico foi uma experiência extraordinária.  “Fazer parte da produção de conteúdo do Almanaque foi incrível, pois, através dele, podemos ajudar as pessoas da nossa comunidade a entender mais sobre sua saúde, de uma forma descontraída e divertida.”

“Participar da elaboração da segunda edição do Almanaque da Saúde é uma oportunidade de trabalhar uma grande variedade de habilidades importantes para nossa formação profissional e de proporcionar conhecimento científico acessível e divertido para a população”, conclui Carolina De Marqui, acadêmica da Turma 20.

O Almanaque da Saúde da FACERES foi produzido por alunos e professores do curso de medicina da FACERES. Será distribuído gratuitamente para a população de São José do Rio Preto e estará disponível, a partir de janeiro, na unidade de saúde anexa ao Santo Antônio e em outros locais com grande fluxo de pessoas.

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
No data was found
Posts relacionados
Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.