A primeira rodovia solar, que gera energia para uma cidade, é francesa

Trata-se de uma estratégia do governo de promover a energia sustentável e aproveitar esta tecnologia para proporcionar energia a residências ou sistemas de infraestrutura pública, sobretudo em regiões onde a distribuição é mais complexa.

Entretanto, menos de um ano após o anúncio, foi inaugurado o primeiro trecho do projeto próximo a uma pequena cidade chamada Tourouvre-au-Perche, ao norte da França.

A rodovia tem um quilometro de extensão e foi coberta por 2.800 metros quadrados de painéis solares que podem gerar a energia necessária para o funcionamento do sistema de iluminação público da cidade de 3.400 habitantes. 

O projeto foi concebido e executado pela empresa Wattway. Segundo o comunicado de imprensa, a produção anual estimada é de 280 MWh, com produção diária média de 767 kWh, podendo alcançar 1.500 kWh por dia no verão.

Futuro

França detém a rede rodoviária mais densa do mundo e a maior na UE, com uma rede de mais de um milhão de km, dos quais quase 11.000 km de auto-estradas. Para além das consequências para a biodiversidade, esta área deve ser melhor explorada, por exemplo, para produzir energia a partir do sol.

Este é o objetivo do projeto “estrada solar” desenvolvido na Holanda, França e Estados Unidos, onde Scott e Julie Brusaw, um casal da Califórnia fundou a empresa Solar Estradas e planejou equipar um parte da famosa rota 66 (Missouri). E é na França que a primeira estrada solar do mundo foi inaugurada em 22 de dezembro de 2016 por Ségolène Royal, a ministro do Meio Ambiente e Monhée Guy, Vice-Presidente do Departamento de Orne e prefeito de Tourouvre-au Perche.

Em outubro de 2016 aconteceram os primeiros testes na estrada de Tourouvre-au-Perche. Foto: Wattway / Divulgação.A ideia é relativamente simples: cobrir o pavimento de alcatrão por placas de painéis solares fotovoltaicos resistentes ao peso do tráfego e aos impactos.

Em teoria, as aplicações são muitas:

1. Fornecer eletricidade para abastecer uma cidade, iluminação e sinalização da estrada;
2. Produzir uma nova forma de sinalizar o trânsito com LEDs integrados nas lajes. Assim, é possível exibir mensagens para os motoristas diretamente na estrada.
3. Aquecer a estrada quando o gelo ou neve ameaçarem.

Assista o vídeo do projeto, “Wattway, the Colas Solar Road“.

***
Fonte: Notre Planet (Francês). 

 

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
No data was found

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.