Após um ano desativada, fonte do lago do Parque Ibirapuera é reinaugurada

O projeto de revitalização da fonte teve um investimento total de R$ 6,3 milhões e incluiu a renovação da iluminação e novas programações de show das águas. Como contrapartida, a empresa poderá expor sua marca, sempre respeitando os limites previamente acordados e a Lei Cidade Limpa.

A reinauguração da fonte aconteceu na ultima segunda-feira (21). Para comemorar a reativação da fonte, o maestro João Carlos Martins se apresentou, regendo a Camerata Bachiana, com participação do tenor Jean William.

Foto: Eduardo Ogata / SECOM / PMSP.

Foto: Eduardo Ogata / SECOM / PMSP.

Foto: Eduardo Ogata / SECOM / PMSP.

Foto: Eduardo Ogata / SECOM / PMSP.

O espetáculo inaugural será reapresentado por 10 dias consecutivos (20h30 e 21h), mas sem a presença do maestro. Após esse período, ele será exibido nos fins de semana em duas sessões (20h30 e 21h), até o Natal, quando haverá uma nova atração. No aniversário de São Paulo, em 25 de janeiro, a programação muda novamente. Fora estas datas comemorativas, a fonte contará com projeção de luz em sincronia com a movimentação de jatos d’água e som. O acordo é válido por três anos e prevê a realização dos espetáculos e a manutenção da fonte.

Durante a semana, a fonte estará ligada das 9h às 12h e das 18h às 21h, beneficiada com a nova iluminação. Aos sábados e domingos, a fonte estará ligada das 9h às 12h e das 14h às 18h.

***
Com informações da SECOM / Portal da Prefeitura de São Paulo.

 

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
No data was found

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.