Câmara dos Vereadores de São Paulo recebe banco de dados da iniciativa #somosmaisque16porcento

A ação, criada pela agência de publicidade FCB Brasil e lançada pelo jornal, teve início na data de aniversário de São Paulo (25/01), com a divulgação da pesquisa da ProScore de que 84% das ruas que homenageiam pessoas ilustres na cidade nomeiam homens. Leia aqui, matéria publicada pelo São Paulo São na ocasião.

Com estes números em mãos, o Estado de S. Paulo resolveu começar um debate sobre a representatividade da mulher também nos tributos dos espaços urbanos – em pról da igualdade. A votação e as indicações foram feitas no site estadao.com.br/16porcento.

“Essa é mais uma ação do Estadão, que trata de forma inovadora e transformadora um dos temas abordados com frequência em nossa cobertura editorial, o preconceito com as mulheres”, explica Marcelo Moraes, Diretor de Marketing Publicitário do jornal.

Entre os nomes que constam no documento estão Dercy Gonçalves, Lucy Montoro, Tomie Ohtake, Hilda Hilst, Marília Pêra, Dorina Nowill, Nair Bello, Ruth Cardoso, Zélia Gattai, entre outras ilustres brasileiras.

“Com a entrega deste banco de dados aos vereadores de São Paulo, queremos ajudar a mudar as estatísticas e tornar a cidade cada vez mais diversa”, comenta Joanna Monteiro, Chief Creative Officer da FCB Brasil. 

A entrega acontece neste dia 8 de março, às 15 horas, na Câmara dos Vereadores de São Paulo, no Palácio Anchieta – Viaduto Jacareí, 100 – Bela Vista.

 

***

Com informações da assessoria de imprensa da FCB Brasil.

 

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
No data was found

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.