Campanha #somosmaisque16porcento faz balanço da iniciativa em prol de mais mulheres em homenagens nos espaços públicos - São Paulo São

São Paulo, a maior cidade da América do Sul, tem 11.253.503 milhões de habitantes, sendo a maioria mulheres, elas são 5.924.871 milhões. No entanto, apenas 16% das ruas que homenageiam pessoas ilustres na cidade, se referem a nomes de mulheres. Os 84% das ruas que homenageiam pessoas ilustres na cidade nomeiam homens, segundo dados da pesquisa da ProScore.
Com estes dados em mãos, o jornal O Estado de S. Paulo lançou a campanha #somosmaisque16porcento. 

A ação, criada pela FCB Brasil teve início na data de aniversário de São Paulo (25/01). A votação e as indicações foram feitas no site estadao.com.br/16porcento onde qualquer pessoa pôde indicar e votar em grandes mulheres que merecem ter seus nomes nas ruas da cidade. 

No Dia Internacional da Mulher (08/03) o Estadão e a FCB Brasil foram até a Câmara dos Vereadores e entregaram o primeiro banco de dados com os nomes das mulheres que foram votadas para serem indicadas a receberem homenagens nos espaços urbanos da cidade. O documento foi entregue aos 55 vereadores da Câmara, contendo 300 nomes de mulheres e suas realizações. Entre os nomes, Dercy Gonçalves, Tomie Ohtake, Hilda Hilst, Marília Pêra, Dorina Nowill, Nair Bello, Ruth Cardoso, Zélia Gattai, entre outras ilustres brasileiras.

O projeto teve mais de seis milhões de votos no site e três projetos de lei foram apresentados na Câmara pelos vereadores Adriana Ramalho e Quito Formiga, propondo nomes de mulheres para lugares públicos em São Paulo.

Veja como foi essa história: https://youtu.be/8wK-QilOoMM

Leia

Ficha técnica

Título: #somosmaisque16porcento
Agência: FCB Brasil.
Cliente: O Estado de S.Paulo.
Diretora Geral de Criação: Joanna Monteiro.
Diretor Executivo de Criação: Fábio Simões.
Diretor de Arte: Juliana Utsch e Lucas Succi.
Redator: Marilu Rodrigues e Lucas Saicali.

***
Com informações da assessoria de imprensa da FCB Brasil.