Conheça projetos sociais e estratégias para aplicação da Educação Inclusiva nas escolas - São Paulo São

Há vários projetos sociais pelo país, que visam promover a inclusão e maneiras de implementar a educação inclusiva. Foto: Rode Marques Abreu.Há vários projetos sociais pelo país, que visam promover a inclusão e maneiras de implementar a educação inclusiva. Foto: Rode Marques Abreu.

Dentro do campo acadêmico muito se discute, sobretudo em cursos como a pedagogia e cursos de licenciatura nas mais variadas áreas, sobre a educação inclusiva e métodos de inclusão educacional em escolas.

No âmbito acadêmico são traçados projetos, trabalhos e até metodologias de TCC sobre autismo e outros projetos acadêmicos de extensão ligados à educação inclusiva.Contudo, uma das grandes críticas feitas por parte da opinião pública em relação às universidades e ao meio acadêmico é a falta de contato direto com a sociedade.

Muitos argumentam que as pesquisas realizadas dentro de universidades, laboratórios e departamentos de pesquisa são elitizadas e não possuem efeito real na vida dos cidadãos comuns.

Mas isso acaba sendo uma crítica infundada e falaciosa, por mais que bem intencionada, pois projetos que mudam a vida das pessoas diariamente são desenvolvidos dentro dos ambientes citados acima.

O percentual de alunos e alunas com deficiência matriculados no ensino regular evidencia que a inclusão aumentou. Foto: Getty Images.O percentual de alunos e alunas com deficiência matriculados no ensino regular evidencia que a inclusão aumentou. Foto: Getty Images.

Grande exemplo disso é a produção de vacinas e insumos para o combate da pandemia de coronavírus e tratamento dos doentes cujas pesquisas foram e são desenvolvidas em grande parte pelo meio acadêmico.

Ao se pensar na necessidade de debater a educação inclusiva em escolas, creches e inúmeros outros espaços de educação informal, pode identificar alguns projetos sociais que visam promover esta inclusão e também maneiras de se implementar a educação inclusiva nestes espaços.

Iniciativas sociais para a educação inclusiva

Como visto, apesar de as universidades brasileiras renomadas trabalharem exaustivamente no desenvolvimento de projetos políticos e pedagógicos, é necessário que esta discussão seja trazida ao ambiente escolar e social.

Uma publicação do site Hypeness de março de 2020 ressalta algumas ações sociais que transformaram a vida de jovens alunos PCD e PNE.

Educação física inclusiva

Em Contagem, MG, Projeto de Educação Física Inclusiva promove integração de estudantes com deficiência nas escolas. Foto: Prefeitura de Contagem. Em Contagem, MG, Projeto de Educação Física Inclusiva promove integração de estudantes com deficiência nas escolas. Foto: Prefeitura de Contagem.

A escola municipal Eli Horta Costa, do município de Contagem em Minas Gerais, conta com um projeto chamado Projeto Educação Física Inclusiva.

Este projeto é fruto de uma parceria entre a Rede Municipal de Ensino de Contagem e o Projeto Circuito Inclusão Solidária e é responsável por fornecer diversos brinquedos adaptados para alunos PCD, como balanços, skates, carrinhos, entre outros.

Projeto Ser Diferente é Normal

É preciso garantir o apoio necessário à aprendizagem, o que é feito por meio do atendimento educacional especializado. Foto: Divulgação.É preciso garantir o apoio necessário à aprendizagem, o que é feito por meio do atendimento educacional especializado. Foto: Divulgação.O município de Içara em Santa Catarina promove a inclusão de alunos portadores de deficiência da educação infantil, através de histórias, músicas, e bonecos.

O projeto é idealizado pela Associação Amigos da Inclusão do município de Içara que o realiza em parceria com a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia do município.

A ideia de todo este projeto é a de conscientizar crianças, adultos e toda a sociedade e também promover o acolhimento e inclusão de colegas portadores de deficiência.

Unisinos e suas políticas de inclusão

A parceria entre universidades e escolas é um bom caminho para construir saberes e práticas pedagógicas. Foto: Divulgação.A parceria entre universidades e escolas é um bom caminho para construir saberes e práticas pedagógicas. Foto: Divulgação.

Pensando agora em educação inclusiva e inclusão de alunos com deficiência em nível universitário, não podemos deixar de ressaltar o caso da Unisinos, a Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Através de seu comitê de acessibilidade e inclusão, a Unisinos busca se tornar referência e uma universidade cada vez mais inclusiva ao longo de sua trajetória.

Além de ações diretas promovidas pela universidade, como:

  • Acolhimento
  • Campanhas de conscientização
  • Trabalho e acompanhamento psicológico
  • Implementação de planos de acesso
  • Contratação
  • Permanência
  • Oferecimento de Estágios

A Unisinos ainda promove cursos teóricos e práticos de extensão nos temas Práticas de Inclusão, Inclusão e Diferenças, além de fóruns e encontros sobre educação inclusiva.

Estratégias para promover a educação inclusiva

Com a tecnologia têm-se diversas possibilidades e materiais para se usar na inclusão da pessoa deficiente, tornando mais autônoma. Foto: iStock.Com a tecnologia têm-se diversas possibilidades e materiais para se usar na inclusão da pessoa deficiente, tornando mais autônoma. Foto: iStock.Agora que foram vistos alguns casos de projetos sociais voltados para a educação inclusiva e conscientização sobre o acolhimento e respeito à diversidade, é hora de serem analisadas algumas maneiras e estratégias pedagógicas que possam possibilitar esta inclusão em um ambiente escolar.

  1. Promoção de campanhas de conscientização.
  2. Conhecer as necessidades individuais de cada aluno.
  3. Realização de avaliações individuais.
  4. Investimento em tecnologia.

O investimento em tecnologia, por exemplo, pode ser responsável por personalizar o ensino e o aprendizado de cada aluno, o que por sua vez pode proporcionar uma educação mais humanizada, entendendo as individualidades e particularidades de cada aluno.

Ainda, este investimento, auxiliado de profissionais capacitados, bem-intencionados e de metodologias pedagógicas destinadas a estes alunos, a educação inclusiva tende a ser uma realidade em cada vez mais escolas, promovendo uma sociedade mais igualitária, justa, humanitária e respeitosa.

Por fim, a importância da educação inclusiva vai além de propor a escolarização de portadores de necessidades especiais. Incluir significa juntar, inserir, fazer parte de um certo grupo. A inclusão é uma oportunidade de convivência com a diversidade, para todos os alunos.

***
Da Redação.

 



APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio