Colunistas - São Paulo São

São Paulo São Colunistas

Faz alguns meses que aconteceu minha experiência com a tradição e festejos judaicos. Apesar de ser real, me sentia como num filme, às vezes de Woody Allen déjà vu, outras de Fellini, quando me lembrava de minha bisavó judia, e outras vezes, ainda, de Ingrid Bergman. Sem dúvida foi uma bela noite de Shavuot, que celebra a entrega da Torá no Monte Sinai. Não é necessário ir longe para compartilhar tanta alegria e respeito por uma data festiva religiosa com bom motivo: celebração dos 10 Mandamentos.

Às quintas-feiras atendo no Tribunal de Santana em sessões de Mediação de Conflito. São encontros intensos, com fortes cargas emocionais, e são muito valiosos pelo que podem produzir de resultados e de diálogos entres as partes, quando a solução é restabelecida de comum acordo pelos envolvidos. Mesmo em casos em que há desistência, o processo vale como aprendizado.

Na rua Girassol, quase esquina com Purpurina, era uma festa no prédio os sons que ouvia. Ora um ensaio de sax, ora o dedilhar de uma guitarra e um vizinho com violão por muitos anos. Coisas da Vila Madalena, com seus músicos espalhados por alguns dos 17 andares do prédio.

Enquanto escrevo lembro-me da música “Sina”, do Djavan, em especial a frase “Pai e mãe, ouro de mina...”, que me cativou desde a primeira vez em que a ouvi. A interpretei por  inteiro numa edição do Festival Cultural de Comunicação da FAAP.

Dizer que a cerimônia de abertura das Olimpíadas Rio 2016 foi maravilhosa não é novidade, porque esse reconhecimento ocorreu por parte de especialistas daqui e internacionais, e por quem assistiu, no Maracanã ou pela TV, ao sensível espetáculo audiovisual preparado pela equipe de produção brasileira.

APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio