Colunistas - São Paulo São

São Paulo São Colunistas

Festa animada, de fim de ano, à fantasia. Com que roupa eu vou? Ela foi de freira de um padre só: um espartilho preto, meias pescador e véu completo na cabeça, com direito até a toquinha. Uma boca de strass delineada na testa e muita maquiagem no rosto.

Pense numa voz encantadora. Pense numa intérprete doce e, ao mesmo tempo, gigante. Pense num show delicado, belo, criativo e com muita personalidade. Pense numa jovem de Moçambique, que chegou ao Brasil há quatro anos, com o sonho, a fé e a garra de desenvolver aqui o seu trabalho de cantora e de compositora.

No último sábado assisti a uma apresentação musical na EAD – Escola de Arte Dramática da USP. Saí de casa com antecedência, mas não sabia que no final de semana o ônibus de Linha não percorria as avenidas da Cidade Universitária. Quase desisti quando o coletivo Circular que faz o percurso interno passou.

Jurema Paes. Guarde esse nome e libere os seus ouvidos para escutar as interpretações únicas dessa baiana, que reside em São Paulo e canta de tudo, com a mesma voz afinada e sensibilidade.