Quem ficará com o Truman? - São Paulo São


Encontrar uma família para Truman, o cão companheiro, enquanto o seu dono ainda não partiu dessa existência é o mote apropriado para se discutir vida, amizades, morte e outros detalhes das relações humanas.

A película em cartaz nas principais salas de cinema do país traz o excelente Ricardo Darín no papel de Julian, um ator de teatro argentino, que mora em Madrid, e trata daquela doença que normalmente se evita pronunciar o seu nome, visto que na maioria dos casos o óbito é apenas uma questão de tempo.

Trata-se de um drama com toques de comédia, pois o desafio de Julian é encontrar um novo lar para o fiel amigo Truman, uma tarefa não muito simples em função de alguns pré-requisitos exigidos para que a adoção garanta uma vida tranqüila ao cachorro já com idade avançada, e com certas manias alimentadas pelo dono.

A visita de um amigo de longa data, Thomas, interpretado pelo ótimo Javier Cámara, vindo direto do gélido Canadá, é o amparo que Julian necessita para resolver os seus problemas enquanto administra a morte que virá.

Os quatro dias em passam juntos os dois aproveitam cada segundo. Às vezes satisfazendo prazeres simples como saborear boas refeições e vinhos; e outras dançando e passeando pela cidade. Como dinheiro não é problema para Thomas, ele não poupa recursos para satisfazer os desejos do verdadeiro amigo.

Sabe-se desde o início que o filme é de despedida de um guerreiro, que depois de um ano de tratamento seguindo o protocolo para a doença, declarou conscientemente que iria interromper os medicamentos para viver bem e se preparar para uma partida digna, mas só depois que o Truman tivesse garantida a sua nova casa.

Vendo as expressões do cão, até você toparia ficar com ele. Por aqui, fico. Até a próxima.

Serviço:

Título: Truman (Espanha, Argentina).
Direção: Cesc Gay.
Elenco: Ricardo Darín, Javier Cámara, Dolores Fonzi.
Gênero: Comédia dramática.
Duração: 1h46min.
Assista o trailer aqui

***
Leno F.Silva é diretor da LENOorb – Negócios para um mundo em transformação e conselheiro do Museu Afro Brasil. Editou 60 Impressões da Terça, 2003, Editora Porto Calendário e 93 Impressões da Terça, 2005, Editora Peirópolis, livros de crônicas.

 



APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio





 
 
APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio