O amor acontece de dentro para fora - São Paulo São

Os encontros por meio das redes digitais crescem a cada instante. Com apenas um clique é possível se conectar a alguém desconhecido, e iniciar um relacionamento.

Se o desfecho será amizade, amor, ou nada disso, só a interação poderá mostrar e, segundo a lei da probabilidade, as chances desses encontros vingarem são, no mínimo, de 50% para “Sim” e outros 50% para “Não”.

Nesse sentido, o acerto na escolha virtual tanto quanto numa versão ao vivo, só será confirmado a partir de uma convivência mínima, que permita se conhecer mutuamente.

Isabelle, a personagem de Juliette Binoche na comédia romântica “Deixe a Luz do Sol Entrar”, dirigido por Claire Denis,uma das maiores diretoras em atividade, é uma mulher na faixa dos 50 anos que persiste em encontrar o amor de sua vida off-line.

Residente em Paris, artista plástica bem-sucedida, que o usa o celular apenas para fazer e receber ligações, confia que a sua cara metade está nos lugares os quais ela circula com naturalidade. Bonita, ela mescla comportamentos frágeis e inseguros, com situações em que age com mais determinação. Contudo, o que fica patente é a sua estranheza sobre ela própria.

Claire Denis faz bem em lembrar que amar não é tão fácil, divertido e leve como o cinema tantas vezes faz parecer. Foto: Divulgação.Claire Denis faz bem em lembrar que amar não é tão fácil, divertido e leve como o cinema tantas vezes faz parecer. Foto: Divulgação.

Apesar da cineasta negar que o filme seja inspirado no clássico de Roland Barthes, “Fragmentos de um Discurso Amoroso“, conforme chegou a ser anunciado o projeto, é bastante possível a aproximação. Enquanto a obra de Barthes reúne discursos apaixonados de outros pensadores, o roteiro de Denis e Angot se assemelha a uma reinterpretação irônica das comédias dramáticas românticas, mais profunda do que o habitual.

E se em “Alice no País das Maravilhas” a menina não sabia onde queria ir e, diante disso, qualquer caminho servia, Isabelle busca fora o sol que está adormecido dentro, e nem um pêndulo manejado com precisão pelo vidente interpretado por Gérard Depardieu será capaz de despertar, ou tirá-la de um permanente estado de insatisfação com os homens que ela, sob as sombras, escolhe para se apaixonar. Por aqui, fico. Até a próxima.

Na trama, Isabelle (Juliette Binoche) é uma artista que vive em Paris. Divorciada e mãe solteira, ela está à procura de um amor verdadeiro. Foto: Divulgação.Na trama, Isabelle (Juliette Binoche) é uma artista que vive em Paris. Divorciada e mãe solteira, ela está à procura de um amor verdadeiro. Foto: Divulgação.

Serviço

Filme: Deixe a Luz do Sol Entrar.
Nacionalidade: França, Bélgica.
Diretor: Claire Denis.
Roteiro: Claire Denis e Christine Angot.
Elenco: Juliette Binoche, Gérard Depardieu, Xavier Beauvois, Philippe Katerine.
Gênero: Drama, Comédia, Romance.
Duração: 1h35 minutos.
Classificação: 14 anos.
Assista o trailer aqui!

***
Leno F. Silva é diretor da LENOorb - Negócios para um mundo em transformação e conselheiro do Museu Afro Brasil. Escreve às terças-feiras no São Paulo São.



APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio





 
 
APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio