'Hovenring', o carrossel 'suspenso' para ciclistas em Eindhoven, Holanda - São Paulo São


Desde 29 de junho do ano passado, os habitantes da cidade holandesa de Eindhoven podem desfrutar de um passeio de bicicleta sem interrupção ou risco, graças à construção do 'Hovenring', um cruzamento "suspenso" em forma de carrossel, criado especialmente para ciclistas.
 
A infra-estrutura, de uso gratuito, permite que os ciclistas de quatro rotas diferentes entrem no cruzamento e saiam dele através de rampas, sem ter contato, em momento algum, com os carros da auto-estrada A2, que passa por baixo dele.
 
rotunda longerotunda longe

O cruzamento 'Hovenring' visto à distância.
 
De longe, o cruzamento na estrada parece ser suspenso com sua estrutura circular de 72 metros de diâmetro, sustentada por 24 cabos, que por sua vez, convergem para um mastro central de 70 metros de altura .
 
Sua construção seu deu porque circulam pela auto-estrada A2, cerca de 25.000 veículos por dia, o que fazia o lugar perigoso para os ciclistas, especialmente para as crianças, que usam a via para frequentar a região dotada de escolas. De acordo com site de BicycleDutch, o cruzamento teve um custo total de 20 milhões de euros.
 

Imagem aérea antes da construção do “Hovenring”.
 
Se antes do 'Hovenring' havia rotas separadas no acostamento da rodovia além de semáforos, era suficiente que um motorista ou ciclista não respeitasse o sinal vermelho para que um acidente acontecesse. Na imagem acima, ainda se identificam as ciclovias, anteriores, de cor marrom.
 
Como a cidade de Eindhoven é sede de várias empresas globais de tecnologia e iluminação, se entendeu como necessária a construção do cruzamento livre - a auto-estrada A2 é a principal entrada para a cidade de Veldhoven e rota para o subúrbio Meerhoven - e infra-estrutura que demonstrasse parte da sua identidade, caracterizada pela inovação tecnológica, além de incentivar a utilização da bicicleta como meio de transporte.
 

Imagem durante a construção do “Hovenring”.
 
Durante a sua construção no início de 2012, o forte vento da região fez com que os fios vibrassem mais do que o esperado e então, decidiu-se trocar todos os cabos por outros, mais resistentes.
 
Em 29 de junho do ano passado, dia da inauguração, o cruzamento foi palco de um festival, com a participação dos habitantes e políticos de Eindhoven e Veldhoven. Além disso, em uma loja de carros localizado junto à auto-estrada, foram instaladas pequenas rampas onde as crianças puderam brincar com suas bicicletas.

***
Constanza Martínez Gaete no Plataforma Urbana.

*Tradução São Paulo São.