Corrida ‘Caminho da Paz‘ espalha valores nobres pela cidade com palavras gigantes

Cerca de 6 mil pessoas partiparam das atividades do percurso exclusivo do evento. Apenas uma vez por ano, justamente na Caminho da Paz, os corredores têm a oportunidade de largar na avenida República do Líbano, passar pelo parque do Ibirapuera, percorrer toda a avenida Juscelino Kubitschek e concluir os 7 km da corrida (ou caminhada) no parque do Povo. 

Ao longo do percurso foram espalhadas pela cidade, uma semana antes, as “palavras gigantes” paz, amor, ética, integração, união, respeito, amizade, diversidade e prosperidade – marca registrada do evento. Neste ano foram 20 palavras, – extrapolando o trajeto da corrida e caminhada – que remetem à cultura da paz e aos valores que devem ser cultivados pela sociedade. 

Essas instalações, desta vez, puderam ser vistas em pontos mais distantes do trajeto da corrida, nos bairros de Paraisópolis, Brasilândia, Capão Redondo e Cidade de Tiradentes, com ativações realizadas em conjunto com jovens moradores das regiões.

Intervenções artísticas

Seis das palavras ainda receberam intervenções realizadas por artistas indicados por algumas das principais galerias de arte de São Paulo e espalhadas pela cidade. 

ÉTICA, criada pela artista Geórgia Kyriakakis, da galeria Raquel Arnoud, e exposta na avenida Brig. Faria Lima, perto do Octávio Café; 

AMOR, criada por Paulo Bruscky, da galeria Nara Roesler, na República do Líbano com a rua Manoel de Nóbrega; 

PAZ, criada pelo artista Camille Kachani, da Zipper Galeria, exposta na avenida Brasil, perto da igreja Nossa Senhora do Brasil; 

PAZ, criada por Zezão, também da Zipper Galeria, localizada dentro do parque do Povo; 

PAZ, criada por Maurício Adinolfi e Erica Ferrari, da galeria Pilar, que exposta no Capão Redondo; 

INTEGRAÇÃO, obra de Beto Shwafaty, da galeria Luísa Strina, que colocada na avenida Paulista, na praça dos Arcos.

No ano passado, foram 13 palavras nas ruas”, disse Adriana Feffer Skaf, da AG Sport promotora do evento. “Em 2016, foram 20 palavras, saindo do trajeto da corrida. Temos quatro delas em comunidades como Brasilandia, Capão Redondo, Cidade Tiradentes e Paraisópolis. Elas foram instaladas em 26 outubro e vão ficar nas ruas por 30 dias.”

O Santander Brasil patrocinou a 7ª edição do Caminho da Paz

A iniciativa faz parte da estratégia de patrocínios do Banco, que incentiva a atividade física ao ar livre.

Pela primeira vez, o Banco adotou a palavra “Prosperidade”, exposta na sede do banco, na Av. Juscelino Kubitschek, 2041, Vila Olímpia, em São Paulo.

“A palavra prosperidade é o centro do propósito do banco, que é ajudar as pessoas e as empresas prosperarem. Não poderíamos deixar de disseminar essa mensagem tão importante para a sociedade nos dias de hoje, em um evento reconhecido que promove a reflexão desses valores”, afirma Marcos Madureira, vice-presidente executivo de Comunicação, Marketing, Relações Institucionais e Sustentabilidade do Santander Brasil. 

Idealização

O Caminho da Paz foi idealizada pela ONG Caminho de Abraão desde sua primeira edição em 2004. Presidida por William Ury, um dos maiores especialistas em conflitos do mundo, a iniciativa promove a reaproximação dos povos do Oriente Médio, remontando os passos do profeta Abraão em uma trilha que passa por lugares diversos no Oriente Médio. A ONG Caminho de Abraão tem sedes em vários países, mas realiza essa corrida apenas no Brasil.

Sobre o Caminho de Abraão

O Caminho de Abraão é uma rota de turismo no Oriente Médio, que se inspira no trajeto feito por Abraão há 4.000 anos. Esse resgate é uma homenagem às culturas muçulmana, judaica e cristã, que têm como patriarca comum justamente Abraão.

Com cerca de 1.200 quilômetros, o Caminho de Abraão tornou-se na prática uma plataforma para o desenvolvimento do turismo sustentável e um catalisador do desenvolvimento pacífico e econômico. Além uma paisagem única, ele liga sítios históricos e locais sagrados do Oriente Médio.

A rota proposta começa nas ruínas de Harran, entre a Turquia e a Síria, local onde Abraão ouviu pela primeira vez o chamado de Deus. O Caminho se estende por todo o Oriente Médio e inclui cidades históricas como Alepo, Damasco, Jericó, Nablus, Belém e Jerusalém, contemplando ainda regiões de grande riqueza natural e cultural como as colinas do Líbano, a região de Ajloun, da Jordânia, e o deserto de Grajev, em Israel.

Website: http://www.caminhodapaz.org.br

***
Este conteúdo é um oferecimento

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
No data was found

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.