Em Lisboa, conheça outra mercearia de venda a granel e sem embalagens

Rodrigo Soares é o responsável pelo espaço. Estudou Economia em Coimbra e depois de trabalhar durante 10 anos como consultor financeiro decidiu apostar neste negócio. “Inspirei-me em alguns projetos do género que vi no Brasil e na Alemanha. É um conceito usado nas mercearias antigas, mas aqui com um toque moderno”, diz à NiT Rodrigo Soares.

Na Casa a Granel todos os produtos estão em dispensadores e caixas de madeira. É o próprio cliente que se serve, com um dos sacos disponíveis, e só leva a quantidade de que precisar — há balanças pelo espaço para ir controlando o peso. É uma boa ajuda se for daquelas pessoas que têm pacotes de arroz ou massa na despensa fechados por uma mola da roupa. Depois há sempre a questão do desperdício. “É uma vantagem para os clientes, que não perdem dinheiro, e também para o ambiente, com menos embalagens deitadas fora”, explica Rodrigo Soares.

Na mercearia pode-se comprar as sementes e os ingredientes da moda, como é o caso da chia, as bagas goji, aveia ou granola. Há ainda vários tipos de farinhas, feijão, frutos secos e arroz. Uma das áreas é dedicada a cereais, daqueles que encontra em caixas nos supermercados, mas na Casa a Granel pode levar apenas a quantidade de que necessita. Tem também frutos desidratados, como kiwi, pêra rocha, abacaxi ou manga.

A fruta desidratada é outra das opções da nova mercearia. Foto Divulgação.

Grande parte dos artigos são nacionais, mas “o que não é possível encontrar por cá, vem de fora”. O objetivo é alargar a oferta de produtos biológicos, que para já não é muito extensa.

A ideia é evitar o desperdício de comida, uma vez que os clientes podem escolher a quantidade exata que vão comprar, e ainda reduzir a produção de lixo. 

Em outro local já havia sido inaugurado o Maria Granel, supermercado que só compra de agricultores orgânicos. Ou seja, os alimentos vendidos ali são livres de agrotóxicos!

Por enquanto, no Brasil, ainda não estamos no nível de Berlim, Paris ou Lisboa, onde já existem supermercados 100% sem embalagens, mas estamos dando bons passos rumo ao fim dos descartáveis. O mais recente deles envolve a grande rede de supermercados Pão de Açúcar, que passou a vender a granel. Um bom começo, não?

***

Com informações New in Town.  

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
No data was found

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.