Estação Campo Belo da Linha 5-Lilás do Metrô, deve ser inaugurada em abril

A estação foi a mais demorada a ser construída por conta de negociações de desapropriações na região, que atrasou o início das obras em relação às demais na expansão da Linha 5.

A previsão inicial era que a estação seria inaugurada em dezembro de 2018. Ao todo, 22.300 pessoas devem passar pela estação, podendo aumentar depois que houver integração com a linha 17-Ouro, do Monotrilho. 

A Linha 5-Lilás, que começou a ser construída em 1998 e com primeiro trecho de 9,4 km, entre o Capão Redondo e o Largo 13, foi inaugurada em 2002. A Linha foi prometida para 2014, e desde então atrasou várias vezes.

Em 2018 foram entregues as estaçõesEucaliptos (março); Moema (abril); AACD-Servidor (agosto); Hospital São Paulo, Santa Cruz e Chácara Klabin (setembro). 

A obra de expansão, que teve início em 2009 e na qual está a construção da estação Eucaliptos, começou custando R$ 6,5 bilhões e ficou 51% mais cara, custando R$ 9,9 bilhões.

O início

 

A expectativa, agora, é de que o início da Operação aconteça em 10 de abril. Ainda não foi informado se haverá período experimental, como no início operacional das demais paradas. É bem provável que isto não aconteça pois, a estação está entre duas outras já em operação, as paradas Brooklin e Eucaliptos. Atualmente, o metrô passa diretamente por ela, que fica na confluência das avenidas Santo Amaro e Água Espraiada.

***
Fonte: Metrô / CPTM.

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
No data was found

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.