‘Yet Go‘, novo aplicativo de mobilidade urbana 100% nacional, chega a São Paulo - São Paulo São

Com sete meses de operação, a Yet Go, aplicativo de mobilidade urbana 100% nacional, chega em São Paulo após se espalhar pelo Brasil. A plataforma oferece valores mais em conta com serviços de carro comum, executivo, mototáxi e motofrete. Mas, na capital paulista, que não possui regulamentação para transporte de pessoas em motos, a empresa trabalhará apenas com motofretes, principalmente em acordos com empresas e restaurantes.

Existe também a opção dos taxistas se cadastrarem no aplicativo, oferecendo aos seus passageiros um valor diferenciado, como se ele desse um desconto. A Yet Go traz esta oportunidade para o taxista ingressar neste Mercado e poder também concorrer com o carro comum.

O cadastramento dos motoristas e usuários da capital paulista já está sendo feito e as operações estão previstas para começar na segunda quinzena de maio.

Para atrair a clientela, o novo aplicativo oferece uma série de promoções, não trabalha com tarifa dinâmica, não cobra tarifa de cancelamento da corrida e mantém fixo o preço do quilômetro rodado. Além disso, os usuários não precisam cadastrar nenhum cartão de crédito.

Os motoristas também têm benefícios. "Eles estão isentos de 100% da taxa de pagamento no primeiro mês para a empresa. Além disso, possuem convênios com postos de gasolina das cidades, onde o preço do combustível será R$ 0,20 menor do que o normal. Se for bem avaliado pelos usuários, terão redução na taxa de 25% que será cobrada pela empresa a partir do segundo mês de operação", conta Alberto de Souza Júnior, sócio-fundador e diretor de operações da plataforma.

Outro diferencial é na questão da tarifa. A Yet Go se baseia conforme a localização que o passageiro se encontra para calcular o valor. A empresa leva em conta o preço médio da gasolina; então, se a gasolina for mais barata em um determinado local, a corrida também sairá mais barata.

Além disso, a plataforma possui uma parceria com a Fenamoto (Federação Nacional dos Mototaxistas e Motoboys do Brasil), que indica a todos os seus associados a plataforma. Estima-se que exista 5 milhões de associados e que cada profissional realize uma média de 20 corridas diariamente. Isso dá uma margem de 100 milhões de corridas por dia no Brasil.

A plataforma limita também o número de motoristas cadastrados, para que não se crie uma grande demanda de concorrência dentro do próprio aplicativo. "A gente calcula a taxa de motoristas conforme a taxa de táxis na cidade. A empresa não trabalha como as outras plataformas que cadastram motoristas aleatoriamente. Temos um limite de cadastro por cidade. Quando ele é atingido não aceitamos mais cadastros, para que os motoristas tenham uma média de ganho diária relevante", ressalta Alberto.

Hoje, a Yet Go tem mais de 500 mil usuários e 30 mil motoristas espalhados pelo Brasil. Cresceu no mês de janeiro 500%, conforme dados do Google Play. Segundo Souza Júnior, ele e o sócio, Roberto Carlos Pereira, investiram 5 milhões de reais no serviço desde a criação da empresa em outubro de 2016.

O aplicativo já se encontra disponível para download gratuito na plataforma Android e IOS.

Site: www.yetgo.com.br 

***
Fonte: Terra.