Projeto 'Sextou na Praça' vai promover festas urbanas, música e dança no Anhangabaú - São Paulo São

 A Praça das Artes é um complexo cultural dedicado à música, dança, ao teatro e exposições. Foto: SMC / Divulgação. A Praça das Artes é um complexo cultural dedicado à música, dança, ao teatro e exposições. Foto: SMC / Divulgação.

A área externa da Praça das Artes, integrada ao Vale do Anhangabaú, é o novo espaço de ocupação artística e cultural da cidade e passa a apresentar, todas as sextas-feiras, o projeto Sextou na Praça.

O happy hour, aberto ao público e gratuito, reúne semanalmente uma festa urbana de São Paulo e apresentações de música ou dança das escolas da Fundação Theatro Municipal de São Paulo, unindo erudito e popular, sempre das 18h às 23h.

Nesta sexta, dia 29 de março, o Sextou na Praça recebe, pontualmente às 18h30, a apresentação do Quarteto de Trompetes da Escola Municipal de Música de São Paulo. Com direção musical de Carlos Sulpício, o grupo é formado por Erick Domingues, Jessé Gomes, Matheus de Farias e Natã dos Santos.

A festa Calefação Tropicaos ocupa o espaço até às 23h. Foto: I Hate Flash.A festa Calefação Tropicaos ocupa o espaço até às 23h. Foto: I Hate Flash.

A festa Calefação Tropicaos ocupa o espaço até às 23h. O coletivo celebra a cultura brasileira, com foco em ritmos dançantes do norte e nordeste do país, e é inspirado em movimentos como a Tropicália e o Mangue Beat.

A programação das semanas seguintes, já tem as suas festas confirmadas: Pardieiro, dia 5 de abril; e MEL, dia 12. Além das apresentações de música ou dança das escolas da Fundação Theatro Municipal.

Praça das Artes

A relação com os prédios históricos ao redor é muito harmoniosa, já que a Praça das Artes não oculta os edifícios e nem é apagada por eles. Foto: Nelson Kon.A relação com os prédios históricos ao redor é muito harmoniosa, já que a Praça das Artes não oculta os edifícios e nem é apagada por eles. Foto: Nelson Kon.

A Praça das Artes é um complexo cultural dedicado à música, dança, ao teatro e exposições. É sede de duas escolas de formação gratuitas: Escola de Dança e Escola Municipal de Música de São Paulo, ambas da Fundação Theatro Municipal de São Paulo.

O espaço arquitetônico também é sede dos grupos artísticos do Theatro Municipal de São Paulo, Balé da Cidade de São Paulo e Quarteto de Cordas da Cidade de São Paulo, além de abrigar a Orquestra Experimental de Repertório que também pertence a Fundação.

No último sábado (23), a área externa da Praça das Artes foi inaugurada, consolidando a integração ao Vale do Anhangabaú, derrubando muros e sendo mais um espaço de cultura e de circulação de público para fomentar a programação do centro da cidade. Cerca de 6 mil pessoas passaram pelo evento de inauguração que contou com mais de 15 atrações de dança, música e arte circense durante seis horas.

A Praça das Artes ocupa um terreno em forma de ‘T’, que liga a Rua Conselheiro Crispiniano à Avenida São João e o Vale do Anhangabaú. O empreendimento é resultado de uma parceria entre o arquiteto Marcos Cartum, do Núcleo de Projetos de Equipamentos Culturais da Secretaria da Cultura, e o escritório paulistano Brasil Arquitetura, de Francisco Fanucci e Marcelo Ferraz. A primeira parte do complexo foi inaugurada em dezembro de 2012.

Prêmios

O espaço recebeu o Prêmio APCA de Melhor Obra de Arquitetura de 2012, o prêmio de Edifício do Ano de 2013 pelo Icon Awards, realizado pela Icon Magazine e finalista dos ‘Projetos Impressionantes das Américas’, da Mies Crown Hall Americas, em 2014.

Serviço

A programação já tem as suas festas confirmadas: Pardieiro (foto), dia 5 de abril; e MEL, dia 12. Foto: I Hate Flash.A programação já tem as suas festas confirmadas: Pardieiro (foto), dia 5 de abril; e MEL, dia 12. Foto: I Hate Flash.

Sextou na Praça

Sexta-feira, 29, das 18h30 às 23h.
Quarteto de Trompetes da Escola Municipal de Música de São Paulo.
Erick Domingues.
Jessé Gomes.
Matheus de Farias.
Natã dos Santos.
Festa Calefação Tropicaos.

Sexta-feira, 5, das 18h30 às 23h.
Festa Pardiero.

Sexta-feira, 12, das 18h30 às 23h.
Festa MEL.

Praça das Artes.
Av. São João, 281 - Centro.

***
Com informações da Secretaria Municipal de Cultura.