São Paulo ganha estátua em homenagem a Itamar Assumpção; evento terá presença de Gilberto Gil - São Paulo São

Após a abertura da MU.ITA Ocupação no CCPenha, em 20 de novembro, a inauguração da estátua de Itamar Assumpção (1949 - 2003), no dia 15 de dezembro, em frente ao Centro Cultural da Penha, dá continuidade às comemorações do primeiro ano de existência do Museu Itamar Assumpção - MU.ITA.

Primeira das cinco estátuas em homenagem a personalidades negras, anunciadas este ano pela Prefeitura de São Paulo, a obra em bronze, com 1,80 m de altura, é assinada pelo artista plástico Leandro Júnior. Criador de peças expostas em museus de Nova Iorque, São Paulo, Belo Horizonte e Brasília, Júnior é professor de arte e escultura em comunidades quilombolas e tem um trabalho voltado para a ancestralidade africana e a história da escravização no Brasil.

Uma programação especial foi pensada para celebrar o dia, que começa às 11h, com uma Missa Afro na Igreja do Largo do Rosário dos Pretos, que segue em procissão até o local da estátua, em frente ao CCPenha. A solenidade de inauguração conta com as presenças do ex-ministro da Cultura e Conselheiro do MU.ITA, Gilberto Gil; do Prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes; da Secretária de Cultura do município, Aline Torres e, claro, da família Assumpção.

Programação de shows marcam entrega do monumento, com participação de Rincón Sapiciência e Anelis Assumpção. Foto: Gloria Fluguel.Programação de shows marcam entrega do monumento, com participação de Rincón Sapiciência e Anelis Assumpção. Foto: Gloria Fluguel.

As Pastoras do Rosário, grupo formado por mulheres negras do bairro da Penha, cantam após a cerimônia e, a partir daí, o microfone fica aberto para a participação do público: poesia, rimas, músicas, todas e todos serão bem-vindes. O Bloco da Micaela anima a tarde no Largo e, às 17h, no Teatro Martins Penna, Anelis Assumpção apresenta um show muito especial, apenas com canções do Itamar e com a participação de Rincon Sapiência. O Bloco Ilu Obá de Min traz seus tambores, pernas de pau e toda potência da cultura preta, a partir das 18h, no encerramento das comemorações do dia.

"É fundamental que toda a comunidade negra se movimente para estar presente e fazer ecoar este acontecimento. Não é todo dia que um artista negro brasileiro ganha uma estátua ou que a memória dos nossos é reverenciada. Num momento de tantos retrocessos, precisamos mirar no afrofuturo e reconstruir este país a partir das vivências e potências pretas", provoca Anelis Assumpção, cantora, compositora e diretora geral do museu que leva o nome do seu pai, Itamar Assumpção.

Itamar Assumpção e Alzira Espíndola cantam durante show na Funarte. Foto: Vange Milliet.Itamar Assumpção e Alzira Espíndola cantam durante show na Funarte. Foto: Vange Milliet.

Nascido em Tietê, no interior de São Paulo, Itamar viveu durante mais de vinte anos no bairro da Penha. Na capital, desenvolveu sua carreira como um artista autodidata e criou uma linguagem única que lhe deu o posto de um dos mais importantes nomes da Vanguarda Paulista. Com inspirações que vão de Jimmy Hendrix a Adoniran Barbosa, Itamar compôs dezenas de parcerias, entre elas “Dor Elegante”, com Paulo Leminski; registrada também por Zélia Duncan. O músico faleceu cedo, aos 53 anos, vítima de um câncer em 2003. Em 2020, o

MU.ITA - Museu Itamar Assumpção é inaugurado e se torna o primeiro museu virtual dedicado a um artista negro brasileiro. 

Serviço:

Foto: Adiel Silva.Foto: Adiel Silva.

Inauguração de Estátua Itamar Assumpção.
Local: Em frente ao Centro Cultural da Penha.
Largo do Rosário, 20 - Penha.

Programação:

Itamar Assumpção posa com a camisa da ala "Quem Sabe Pode" na quadra da Escola de Samba Nenê da Vila Matilde 1985. Foto Oscar Barros 640x417Itamar Assumpção posa com a camisa da ala "Quem Sabe Pode" na quadra da Escola de Samba Nenê da Vila Matilde 1985. Foto Oscar Barros 640x417

11h - Missa Afro na Igreja do Largo do Rosário.
12h - Cerimonial de abertura com as presenças do Prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, da Secretária de Cultura do município, Aline Torres, da família Assumpção e do ex-ministro da Cultura e Conselheiro do MU.ITA, Gilberto Gil.
14h - Pastoras do Rosário.
15h - Bloco da Micaela.
17h - Show Anelis Assumpção Canta Itamar, com participação de Rincon Sapiência - Teatro Martins Penna, Centro Cultural da Penha. Os ingressos serão gratuitos e distribuídos 1 hora antes do show.
18h - Bloco Afro Ilú Oba De Min.

***
Com informações Fernanda Couto Comunicação.



APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio