Às vésperas da Parada LGBT, Feira de Intercâmbio e Criatividade aposta na diversidade - São Paulo São

A FIC tem como cenário e inspiração, a charmosa Praça Alexandre Gusmão espaço ao ar livre e público de valor histórico no coração da Paulista. Foto: Divulgação.A FIC tem como cenário e inspiração, a charmosa Praça Alexandre Gusmão espaço ao ar livre e público de valor histórico no coração da Paulista. Foto: Divulgação.

Às vésperas da Parada LGBT, no dia 22 de junho, das 12h às 20h, a diversidade dá o tom à FIC - Feira de Intercâmbio e Criatividade, na Praça Alexandre de Gusmão, Jardins, que promove o design brasileiro, a criatividade e a cultura do feito à mão. O evento vai celebrar o respeito à diversidade sexual e de gênero!

A uma cuidadosa seleção de produtores das mais diversas áreas da economia criativa: moda, arte, joias e bijuteria, design, artesanato, cosmética, botânica, além de um espaço de gastronomia étnica (japonesa, brasileira, árabe, francesa, peruana, italiana, portuguesa, colombiana, etc), para consumo local, soma-se a trilha sonora jazzística e shows de música ao vivo com a curadoria do Grupo JNF (JazznosFundos e JazzB) que desenvolveu um palco móvel itinerante batizado "Vá de Jazz”.

A FIC - Feira de Intercâmbio e Criatividade é um conceito de evento que propõe o encontro, estimula o lazer e celebrações ao reunir arte, produtores autorais de design e gastronomia, em espaço público ao ar livre, e além disso, promover shows de jazz,  música instrumental e vocal de qualidade.

O evento tem seleção de produtores das mais diversas áreas da economia criativa, além de um espaço de gastronomia. Foto: Divulgação. O evento tem seleção de produtores das mais diversas áreas da economia criativa, além de um espaço de gastronomia. Foto: Divulgação.

A Feira é produzida pelo IDP - Instituto Design Público, organização social que estimula a criatividade e o desenvolvimento do mercado de pequenos produtores, a ocupação e valorização dos espaços públicos livres da cidade de São Paulo através de feiras de arte, moda, artesanato, design, música e gastronomia. O IDP é responsável também pelo Mercado Buenos Artes.

O evento

O evento tem trilha sonora jazzística e shows ao vivo com a curadoria do Grupo JNF (JazznosFundos e JazzB) que criou o palco móvel "Vá de Jazz”. ​Foto: Divulgação.O evento tem trilha sonora jazzística e shows ao vivo com a curadoria do Grupo JNF (JazznosFundos e JazzB) que criou o palco móvel "Vá de Jazz”. ​Foto: Divulgação.

Tendo como cenário e inspiração, a charmosa Praça Alexandre Gusmão espaço ao ar livre e público de valor histórico, ao lado do Parque Trianon, no coração da Avenida Paulista, os encontros mensais acontecem aos sábados no local, sempre das 12h às 20h.

Neste sábado, dia 22 o foco é a diversidade contemplando gastronomia étnica, música de diversos gêneros e uma rede de economia criativa com multiplicidade. A praça, concessionada pelo Hotel Tivoli, parceiro da iniciativa, foi escolhida para sediar os eventos pela sua área verde, localização estratégica de fácil acesso e pelo fato de ser um ponto turístico atraente da capital. O São Paulo São é parceiro da iniciativa.

A  programação musical também vai contemplar diversos gêneros alinhados à diversidade. Nos shows, destaque para Ladies First, grupo dedicado ao Jazz, liderado pela pianista trans Marcelle Barreto e pela cantora cis Natalia Mallo ao lado do trompetista Claudio Faria, do baterista Wagner Vasconcelos e do baixista André Perine. E para o show do cantor e compositor Diego Moraes, revelação da atual cena da música brasileira, que integra também o projeto Não Recomendados com Caio Prado e Daniel Chaudon. Todos, projetos que buscam romper com preconceitos, sempre de forma muito musical.

Nos shows, destaque para Ladies First, grupo dedicado ao Jazz, liderado pela pianista trans Marcelle Barreto e pela cantora cis Natalia Mallo ao lado do trompetista Claudio Faria, do baterista Wagner Vasconcelos e do baixista André Perine. E para o show do cantor e compositor Diego Moraes, revelação da atual cena da música brasileira, que integra também o projeto Não Recomendados com Caio Prado e Daniel Chaudon. Todos, projetos que buscam romper com preconceitos, sempre de forma muito musical.  Diego apresenta-se com Edu capello e Bianca Godoi.

Ainda na programação, performance do Zé Benedito Tambores com Roda de Tambores para crianças e família e a apresentação "Tambores ao pôr-do-sol" no cair da tarde. Ao longo do dia, o DJ Mr. Rabbit faz seleção caprichada de jazz, jazz-funk, soul e brasilidades.

A programação

12h - 13h: DJ Mr. Rabbit.
13h - 14h: Roda de Tambores com as crianças por Tambores Zé Benedi.
14h - 16h: DJ Mr. Rabbit.
16h - 17h30: Show - Diego Moraes.
17h30 - 18h30: Tambores ao pôr do sol por Tambores Zé Benedito.
18h30 - 20h: Show - Ladie's First com Marcelle Barreto, Natalia Mallo, Claudio Faria e Wagner Vasconcelos.

Serviço

FIC + Vá de Jazz = Diversidade
Dia 22 de junho, sábado.
Horário: 12h às 20h.
Praça Alexandre de Gusmão, estação Trianon do Metrô.
Evento Gratuito, aconselhado para crianças, pet friendly.
Vá de transporte público, vá de metrô, vá de bike.
Estacionamento Garagem Trianon Park - Alameda Santos,1801.
O evento no Facebook.
O São Paulo São é parceiro da iniciativa para a produção de conteúdo, promoção, mídia (on line, of line e ooh) além de experiências para marcas no local.

O evento conta com o apoio do Visite São Paulo do Convention Bureau e da Associação Paulista Viva.

***
Da Redação.



APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio





 
 
APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio