Semana Municipal do Rock tem cerca de 50 atrações em 25 pontos da cidade - São Paulo São

Ira!, Vanguart e Marina Lima estão entre as atrações. Imagem: Divulgação.Ira!, Vanguart e Marina Lima estão entre as atrações. Imagem: Divulgação.

Parte do Agendão, calendário cultural integrado do programa São Paulo Capital da Cultura, da Secretaria Municipal de Cultura, o Dia Mundial do Rock, comemorado no dia 13 de julho, ganha uma semana inteira de comemorações em diversos espaços da cidade.

A Semana Municipal do Rock é realizada entre os dias 6 e 14 de julho, em casas de cultura e centros culturais e conta com programação especial no centro de São Paulo, no dia 13.  Ao todo, são cerca de 50 atrações em 25 pontos.

Live Aid, evento organizado por Bob Geldof e Midge Ure com o objetivo de arrecadar fundos em prol dos famintos da Etiópia. Foto: Divulgação.Live Aid, evento organizado por Bob Geldof e Midge Ure com o objetivo de arrecadar fundos em prol dos famintos da Etiópia. Foto: Divulgação.

Comemorado desde 1985, ano em que aconteceu o festival Live Aid em Londres e Filadélfia nessa mesma data, o Dia do Rock será repleto de atrações em toda cidade. No centro, as celebrações acontecem em três espaços. Na Praça da República, o show Dado e Bonfá tocam Legião Urbana é um dos destaques. A programação do palco inclui ainda a cantora carioca Marina Lima e a banda Ira!.

No Palco Ipiranga x 24 de Maio, a banda gaúcha Krisiun apresenta o seu death metal. Entre as outras atrações, está o paulistano Supla eEdu Falaschi, líder da banda de heavy metal Almah. Já no Centro Cultural Olido, acontece uma feira de vinis, além de shows de Deaf Kids e Mercenárias e o Festival de Novas Bandas.

A banda paulista The Mönic se apresenta no Centro Cultural São Paulo (CCSP). Foto: Divulgação.A banda paulista The Mönic se apresenta no Centro Cultural São Paulo (CCSP). Foto: Divulgação.

No mesmo dia, outros espaços também recebem programação: o Centro Cultural São Paulo (CCSP) recebe o show The Mönic + Violet Soda, encontro de dois grupos novos na cena do rock: The Mönic, a banda composta por quatro mulheres formada em 2017, e o grupo degarage rock Violet Soda, formado em 2018. No Centro Cultural da Penha, o show “Somos Todos Bolívia Rock” faz homenagem a Edgar Franz, fotógrafo da cena paulistana conhecido como Bolívia Rock. Já no Centro Cultural da Penha, a Banda Ôncalo toca sucessos de Raul Seixas.

Miranda Kassin esbanja simpatia e carisma no elogiado “I Love Amy". Foto: Divulgação.Miranda Kassin esbanja simpatia e carisma no elogiado “I Love Amy". Foto: Divulgação.

Ao longo de toda semana, diversos espaços recebem programação. Entre os destaques, está o show da banda Dead Fish, dia 7, na Casa de Cultura de São Mateus; os shows de Miranda Kassin em homenagem à Amy Winehouse, que acontecem no dia 12, na Casa de Cultura da Freguesia do Ó, e dia 13, na Casa de Cultura de Guaianases; e a banda de indie rock Vanguart, em dois espaços: na Casa de Cultura do Tremembé, no dia 9, e na Casa de Cultura da Brasilândia, dia 11.

Confira a programação completa no site da Secretaria Municipal de Cultura.



APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio





 
 
APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio