A FIC - Feira de Intercâmbio e Criatividade na Praça Cidade de Milão recebe Yoga, o jazz de Botter Maio Bugni Trio e Hector Costita - São Paulo São

A FIC - Feira de Intercâmbio e Criatividade mudou sua identidade visual e alcança a marca de sua 50ª edição reforçando sua vocação: criar intercâmbio de criativos, seja do design, arte, moda, cosmética, jardinagem, universo infantil, pet, botânica com uma feira gastronômica regada a boa música.

Nas edições de outubro e novembro, a FIC chega à Praça da Cidade de Milão, na Avenida República do Líbano, ao lado do Parque do Ibirapuera com programação de shows jazzísticos assinadas pelo Jazz nos Fundos, com nomes consagrados do cenário musical, prática de Yoga e apresentação do De Rose Art Company a partir das 11h deste domingo (13).

O argentino Hector Costita é compositor, saxofonista, flautista e clarinetista. Foto: Instrumental Sesc Brasil.O argentino Hector Costita é compositor, saxofonista, flautista e clarinetista. Foto: Instrumental Sesc Brasil.

O evento vai contar com o lendário saxofonista Hector Costita em formação Trio, se apresentando em companhia do contrabaixista Rogério Botter Maio e do pianista Gustavo Bugni na primeira sessão musical do dia, ao ar livre. Na segunda sessão jazzística Rogério, o percussionista Emilio Martins e o guitarrista Renato Consorte convidam a tarimbada cantora Vanessa Moreno para o set, ao cair da tarde. Nos intervalos o evento será embalado pela DJ, Luiza K.

O cenário

Jardins da Praça Cidade de Milão, na Avenida República do Líbano vão receber atividades da FIC. Foto: Leon Rodrigues / SECOM.Jardins da Praça Cidade de Milão, na Avenida República do Líbano vão receber atividades da FIC. Foto: Leon Rodrigues / SECOM.A Praça da Cidade de Milão, uma ilha arborizada com uma fonte belíssima ladeada por réplicas de estátuas de Michelangelo, ao lado do Parque do Ibirapuera, tem uma história curiosa ao propor unir duas cidades para fortalecer o vínculo da Itália em São Paulo. Reformada e restaurada pelo consulado italiano, 2017, tem se transformado num ponto atrativo para as Feiras Criativas de São Paulo. 

A Programação

DeRose Art Company. Foto: Divulgação.DeRose Art Company. Foto: Divulgação.

12h - 13h: Apresentação da DeRose ArtCompany criada em Buenos Aires, no ano de 2007. Fundado em São Paulo, em 2015, o grupo já realizou dezenas de espetáculos em diversas cidades do mundo: Buenos Aires, São Paulo, Rio de Janeiro, Porto, Lisboa, Roma e New York. O DeRose Art Company trabalha na concepção artística de uma nova linguagem coreográfica de grande destreza física e exposição técnica.

13h - 14h: Botter Maio, Bugni TRIO com Hector Costita.
16h - 18h: Rogerio Botter Maio TRIO convida Vanessa Moreno.
11h - 19h: *DJ Luiza K.

*Luiza K toca profissionalmente desde 92. Tem como referências a musica negra (funk, soul, jazz, r&b, deephouse, samba), etnicas (afrobeat, ethnobeat, worldmusic) e suas vertentes. Citada no livro “Todo DJ Já Sambou” de Claudia Assef e pelo DJ Hum (em Manos e Minas) como uma das primeiras djs de black music do Brasil.

O que a FIC tem?

Edição da FIC na Praça Alexandre Gusmão, na região da Paulista. Foto: Divulgação.Edição da FIC na Praça Alexandre Gusmão, na região da Paulista. Foto: Divulgação.

O fenômeno das Feiras Criativas tem ocupado os espaços públicos de São Paulo, nos últimos cinco anos, ao se espalhar por praças, parques, museus, garagens, becos e outros locais. Elas emergem fugindo de um cenário comercial consumista saturado de shoppings em espaços privados que não mais atrai público que, na busca de modelos de consumo conscientes,  adere a um novo tipo de comportamento com atenção para as questões da sustentabilidade, para o movimento slow food e para a cultura do feito à mão. 

Em consonância com os movimentos internacionais de cidades criativas e democráticas a FIC destaca-se pelo caráter social comprometido com a premissa de ocupar os espaços públicos para oferecer novas formas de convívio e valorização das áreas livres da cidade. Além de fortalecer o empreendedorismo de uma rede de pequenos produtores das mais variadas áreas como moda, design, arte, decoração, artesanato contemporâneo, cosmética, botânica entre outras, a Feira incorpora empreendedores alinhados à gastronomia orgânica e sustentável produzida por mãos cuidadosas e comprometidas com a cultura do bem viver.

O Jazz

O baixista, compositor, arranjador e produtor musical Rogério Botter Maio. Foto: Sesc.O baixista, compositor, arranjador e produtor musical Rogério Botter Maio. Foto: Sesc.O ano de 2019 marcou a parceria da FIC com o Vá de Jazz, palco móvel das casas mais quentes de Jazz de São Paulo, Jazz nos Fundos e Jazz B. A programação musical dos eventos recebem a curadoria da casa com dois shows musicais intercalados com DJs e oficinas de tambores. O diferencial da música tem atraído um público qualificado e aficionado por jazz.

Serviço

Os monumentos da fonte na Praça Cidade de Milão são reproduções de esculturas de Michelangelo. Foto: Leon Rodrigues / SECOM.Os monumentos da fonte na Praça Cidade de Milão são reproduções de esculturas de Michelangelo. Foto: Leon Rodrigues / SECOM.FIC - Feira de Intercâmbio e Criatividade
Próxima edição: 13 de Outubro, domingo. 
Horário: das 11 às 19h.
Local: Praça Cidade de Milão, Vila Nova Conceição / Ibirapuera - São Paulo.
Siga nas redes: Instagram / Facebook.

Importante: tragam matchs (colchões) para a prática de Yoga e acomodação na grama do local.

***
Da Redação. O São Paulo São é parceiro da iniciativa.

 


APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio





 
 
APOIE O SÃO PAULO SÃO

Ajude-nos a continuar publicando conteúdos relevantes e que fazem a diferença para a vida na cidade.
O São Paulo São é uma plataforma que produz conteúdo sobre o futuro de São Paulo e das cidades do mundo.

bt apoio