Prefeito sanciona lei municipal sobre o ‘Parque Minhocão’

 
O prefeito Fernando Haddad sancionou nesta quarta-feira (9) a lei municipal que denominará como “Parque Minhocão” o Elevado Costa e Silva, nos períodos em que a via estiver fechada para o tráfego de veículos e aberta para pedestres, ciclistas e skatistas.
 
Na prática, a mudança permitirá a adoção de medidas previstas em outros parques da cidade, como a criação de um conselho gestor e ações de zeladoria para garantir o aprimoramento de sua utilização pela população.“
 
A decisão que está sendo tomada aqui é de chamar de parque quando estiver fechado [para carros], porque vai criando uma cultura diferente, modificando os olhares sobre um fenômeno urbano que causava muito transtorno para a população local e hoje vai sendo visto como uma oportunidade de ocupação dos espaços públicos de maneira diferenciada. Já tem comida de rua, food truck, muita coisa acontecendo ali no entorno”, disse o prefeito Fernando Haddad durante o anúncio da sanção do projeto de lei, de autoria do vereador José Police Neto. 
 

Prefeito Fernando Haddad na cerimônia de sanção da lei do ‘Parque Minhocão’. Heloisa Ballarini/SECOM
 
Haddad destacou que, além de um conselho gestor, o Parque Minhocão poderá ter, por exemplo, um zelador contratado pela Prefeitura e vigilância da Guarda Civil Metropolitana, de acordo com as necessidades que forem apontadas pelos usuários.“
 
Deveria começar com o conselho gestor, porque aí a demanda vai surgir da própria comunidade, que vai dizer do que ela precisa para aproveitar melhor o espaço. Apesar de parecer só um gesto simbólico, é um pouco mais do que isso, porque abre a possibilidade de pequenos incrementos de suporte do poder público à comunidade local que aproveita aquele espaço aos finais de semana”, completou o prefeito. 
 
Atualmente, o Elevado Costa e Silva fecha para carros a partir das 21h30, de segunda a sexta-feira, reabrindo às 6h30 do dia seguinte. Aos sábados, o trânsito de veículos é interrompido às 15h, e pedestres e ciclistas podem usufruir do Minhocão até as 6h30 de segunda-feira. A via também fecha para carros nos feriados.
 
O prefeito lembrou que várias melhorias implantadas recentemente no entorno do Minhocão, como ainstalação de jardins verticais nas empenas cegas de edifícios vizinhos e a construção da ciclovia abaixo do elevado, com troca da iluminação para lâmpadas de LED, foram sugeridas pela própria população. E que os coletivos que atuam na região poderão ser chamados pela Subprefeitura local a participar do futuro conselho gestor.“
 
A partir de agora, não são [apenas] os olhares da sociedade que reconhecem o Minhocão como um parque, são os olhares públicos que, já no ano passado, via Conselho da Cidade, manifestaram não só para o Minhocão como para a avenida Paulista o desejo de ter mais cidade para as pessoas. É muito gratificante participar de mais um passo dessa transformação vigorosa da cidade”, afirmou o vereador Police Neto.
 
A discussão sobre a utilização do Minhocão também vai ao encontro das diretrizes do Plano Diretor Estratégico, aprovado em 2014. O PDE prevê que, até 2029, a administração municipal estude uma destinação definitiva para a via, que pode ser sua transformação permanente em parque ou o desmonte do elevado. O prefeito ressaltou que qualquer decisão sobre a estrutura, cujo prazo vai até o final da próxima década, deverá ser acompanhada de medidas mitigadoras para evitar a expulsão da população de baixa renda que vive naquela região.

***
Fonte: Secretaria Executiva de Comunicação / Portal da Prefeitura.

 
 

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
No data was found

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.