São Paulo amplia serviços e recursos para o cidadão com deficiência auditiva

Reinaugurada em abril deste ano, a CIL já atendeu 3.120 munícipes com deficiência auditiva, principalmente na área jurídica e nos setores da saúde e dos direitos humanos, promovendo autonomia ao cidadão com deficiência auditiva.

O atendimento presencial funciona de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 9h às 17h. Solicitações e agendamentos podem ser feitas pessoalmente ou por telefone e WhatsApp – (11) 96470- 4414.

O atendimento no local combinado é feito das 9h às 17h, com agendamento pelos emails agendamentocil@prefeitura.sp.gov.br ou contatocil@prefeitura.sp.gov.br.

Também há atendimento direto pela internet, por smartphone, tablets ou computador. Para dispositivos móveis, e necessário fazer download gratuito do aplicativo CIL – SMPED (Android ou iOS). Nos computadores, acesse https://v3.icom-libras.com.br/w/smped/webview/.

Postos de atendimento presencial da CIL 

Defensoria Pública do Estado de São Paulo
– Unidade Centro – Rua Boa Vista, nº 150.
– Unidade Liberdade – Avenida Liberdade, nº 32.

Sede da Prefeitura de São Paulo
– Viaduto do Chá, nº 15.

Posto São Paulo Turismo
– Unidade República – Praça da República, s/nº.
– Unidade Terminal Rodoviário do Tietê – Avenida Cruzeiro do Sul, nº 1800.

Centro de Referência de Assistência Social (CRAS)
– Vila Mariana – Rua Madre Cabrini, nº 99.
– Ipiranga – Rua Taquarichim, nº 290.
– Lapa – Rua Caio Graco, nº 421/423.
– Cidade Tiradentes – Rua Nascer do Sol, nº 529.

Centro de Formação Cultural Cidade Tiradentes
– Avenida Inácio Monteiro, nº 6.900.

Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Campo Limpo
– Rua Teresa Mouco de Oliveira, nº 121.

Subprefeitura do Butantã
– Rua Ulpiano da Costa Manso, nº 201.

Outros serviços

A cidade também oferece curso básico de Libras para funcionários públicos. A meta é dar suporte para quem atende pessoas surdas. A agenda de aulas é divulgada pela SMPED. Já foram treinados funcionários da SPTrans, Ministério Público, hospitais, Biblioteca Mário de Andrade e do Centro de Apoio do Trabalho e Empreendedorismo (CAT).

Cultura Inclusiva

No projeto da SMPED e da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), com programação mensal, as atividades têm intérprete de Libras e audiodescrição. Entidades e instituições podem organizar grupos e solicitar transporte gratuito para ida e volta, com micro-ônibus adaptado.

No website da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência (SMPED), o conteúdo pode ser traduzido para Libras com o aplicativo Hand Talk. Basta acessar a página. Não é necessário instalar a ferramenta.

Além disso, a Secretaria Municipal da Educação oferece cursos e atividades para pessoas com deficiência auditiva, entre os quais está o Programa de Educação Bilíngue para Surdos.

***
Por Luiz Alexandre Souza Ventura em seu blog Vencer Limites.

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
No data was found

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.