São Paulo aparece no ranking das melhores cidades do mundo para viver em 2022

Da redação.

O ranking das melhores cidades do mundo para se viver em 2022 produzido pela Global Finance acaba de ser divulgado. Realizado a partir de oito parâmetros diferentes que calculam e comparam a qualidade de vida das pessoas que vivem em áreas urbanas, como economia, cultura, população, meio ambiente etc., a edição deste ano também levou em consideração o número de mortes por Covid-19 para cada mil habitantes nos diferentes países.

Tóquio, a segunda colocada, é uma das poucas cidades entre as principais a sofrer declínio populacional no ano passado. Foto: Getty Images.

Com dados do Global City Power indexJohns Hopkins UniversityStatista e Macrotrends, a lista busca oferecer uma visão completa, unindo métricas tradicionais a novos fatores. O ranking das melhores cidades é derivado de uma pontuação que reflete oito métricas distintas. Todos esses fatores são críticos para quantificar a qualidade de vida das pessoas que vivem em áreas urbanas.

Buenos Aires em 44º, São Paulo em 46º e Cidade do México, 47º são as cidades latinas que aparecem na lista. Fotos Públicas.

O primeiro lugar ficou com Londres, no Reino Unido, uma cidade que, embora não tenha obtido classificações altas em suas métricas de Covid-19, ainda lidera a lista devido às pontuações em cultura, acessibilidade e crescimento populacional. Tóquio ficou com a segunda posição, mostrando pontuação baixa no parâmetro população, decaindo em número de habitantes na última década. Xangai vem em seguida, na terceira posição, devido aos números relativamente baixos de mortes por Covid-19 e ao forte crescimento populacional. Singapura e Melbourne ficaram em 4º e 5º lugares. Buenos Aires em 44º, São Paulo em 46º e Cidade do México, 47º são as cidades latinas que aparecem na lista.

#10 | Amsterdã, Países Baixos.

Amsterdã subiu do 14ºlugar na lista de 2020 para o 10º lugar com pontuação mais alta do que outras cidades europeias, como Viena, Berlim e Copenhague.

#9 | Nova York, Estados Unidos

Nova York é a única cidade americana no ranking deste ano devido à sua forte economia, significado cultural, pesquisa e desenvolvimento. 

#8 | Pequim, China.

O ranking de Pequim se beneficiou da baixa taxa de mortalidade por Covid-19 da China e do crescimento populacional da cidade de aproximadamente 2% no ano passado. 

#7 | Paris, França

Paris sofreu muito recentemente com a pandemia da Covid 19. No entanto, Paris pontua bem em métricas tradicionais, como significado cultural e habitabilidade.

#6 | Sydney, Austrália

Logo atrás de Melbourne, outra cidade australiana, está Sydney e elas compartilham muitos dos mesmos pontos fortes: segurança ambiental, economia moderadamente forte e contenção da Covid 19.

#5 | Melbourne, Austrália

Melbourne manteve seu 5º lugar no ranking de 2020 por ser forte em ambientalismo. A cidade também experimentou um crescimento populacional significativo, apesar da pandemia.

#4 | Singapura, República de Singapura

Cingapura exibe pontos fortes semelhantes às outras cidades asiáticas. Ela teve uma pontuação moderadamente boa em força econômica, importância cultural e segurança ambiental.

#3 | Xangai, China

O que diferencia Xangai são os números excepcionalmente baixos de mortes por Covid-19 devido à política de ‘Zero Covid’ da China e seu forte crescimento populacional. 

#2 | Tóquio, Japão.

Tóquio demonstra continuamente uma paixão por pesquisa e desenvolvimento em setores de tecnologia e seu imenso sistema de transporte público oferece um alto nível de acessibilidade. 

#1 | Londres, Reino Unido

A força de Londres em cultura, acessibilidade e um crescimento populacional surpreendentemente forte a colocou acima e além de todas as outras cidades do mundo.
Ranking Completo das Melhores Cidades para Viver em 2022
ClassificaçãoCidadePaís
1LondresReino Unido
2TóquioJapão
3XangaiChina
4CingapuraRepública de Cingapura
5MelbourneAustrália
6SidneyAustrália
7ParisFrança
8PequimChina
9Nova IorqueEstados Unidos
10AmsterdãHolanda
11Hong KongChina
12DubaiEmirados Árabes Unidos
13SeulCoreia do Sul
14CopenhagueDinamarca
15TorontoCanadá
16BerlimAlemanha
17HelsinqueFinlândia
18EstocolmoSuécia
19ZuriqueSuíça
20VienaÁustria
21MadriEspanha
22BangkokTailândia
23VancouverCanadá
24Kuala LumpurMalásia
25FrankfurtAlemanha
26TaipéTaiwan
27DublinIrlanda
28IstambulPeru
29GenebraSuíça
30BarcelonaEspanha
31OsakaJapão
32Tel AvivIsrael
33FukuokaJapão
34BruxelasBélgica
35Los AngelesEstados Unidos
36CairoEgito
37São FranciscoEstados Unidos
38MilãoItália
39JacartaIndonésia
40MoscouRússia
41ChicagoEstados Unidos
42ChicagoEstados Unidos
43Washington DCEstados Unidos
44Buenos AiresArgentina
45MumbaiÍndia
46São PauloBrasil
47Cidade do MéxicoMéxico
48JoanesburgoÁfrica do Sul

O São Conexões é um oferecimento:

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
São Paulo São.
O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a traduzir o zeitgeist da cidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.