São Paulo ganha o Museu das Culturas Indígenas

Da redação.

O Museu das Culturas Indígenas foi inaugurado na cidade de São Paulo. O espaço, localizado ao lado do Parque da Água Branca, na Barra Funda, é voltado para a valorização e difusão do patrimônio cultural indígena.

O Museu nasceu para dar visibilidade para culturas das mais de 300 etnias indígenas que habitam o nosso país. Foto: Foto: Maurício Burim.

O local está aberto ao público e tem entrada gratuita durante todo o mês de julho. Antes de ir, é necessário fazer o agendamento de data e horário pelo site do museu.

O Museu é gerido por indígenas através do Conselho Indígena Aty Mirim e além de exposições artísticas, disponibilizará atividades educativas e pedagógicas. O espaço, conta com centros de pesquisa e referência, auditório, administrativo e reserva técnica, além de espaço para exposições de longa e curta duração.

Ygapó: Terra Firme, de Denilson Baniwa. Foto: Maurício Burim.

Eu vejo o Museu das Culturas Indígenas como uma grande escola, uma escola viva, que vai dialogar sobre história, arte, sobre cultura e as diversas formas de se pensar e transmitir conhecimentos, saberes e fazeres tradicionais, que até hoje não são dialogados dentro das escolas, afirma Cristine Takuá, diretora do Instituto Maracá e membro do Conselho Indígena Aty Mirim.

O local é gerido por indígenas através do Conselho Indígena Aty Mirim. Foto: Divulgação.

São três as exposições temporárias inaugurais: “Invasão Colonial Yvy Opata – A terra vai acabar”, de Xadalu Tupã Jekupé e “Ygapó: Terra Firme”, de Denilson Baniwa, ambos representantes da arte indígena contemporânea e, de acordo com os organizadores, provocam o visitante a repensar a imagem que muitos têm sobre os povos originários do país.

Imagem: Divulgação.

A terceira é a “Ocupação Decoloniza-SP Terra Indígena“, ocupa as áreas externas, como muros e empenas, por meio de diferentes linguagens artísticas. Criada e executada por realizadores indígenas, a exposição destaca os grafismos guarani e murais com onças, pintadas em duas grandes paredes externas.

Serviço

Museu das Culturas Indígenas
Site: www.museudasculturasindigenas.org.br
Terça a domingo, das 9h às 18h.
Quinta-feira, das 9h às 20h.
Ingresso: R$ 15 e R$ 7,50 (meia-entrada). Indígenas não pagam ingresso. A entrada é grátis na quinta-feira.

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
São Paulo São.
O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a traduzir o zeitgeist da cidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.