Eleições do Conselho Participativo Municipal terão 150 pontos de votação

Na eleição dos novos conselheiros participativos municipais, que ocorrerá no dia 6 de dezembro deste ano, São Paulo terá 150 pontos de votação, sendo, no mínimo, um por distrito da capital paulista. Nesses locais – colégios situados no município –, cada eleitor poderá votar em até cinco candidatos ou candidatas de qualquer região da cidade. 

As subprefeituras receberão apenas os eleitores que irão votar na eleição dos conselheiros participativos representantes do segmento imigrantes. 

O edital da eleição, com a relação completa dos candidatos e das candidatas ao Conselho Participativo de cada distrito e subprefeitura, bem como dos postos de votação, deverá ser publicado no dia 11 de novembro. 

As informações sobre o processo eleitoral foram dadas por integrantes da Secretaria Municipal de Relações Governamentais durante a reunião mensal de coordenação do Conselho Participativo, ocorrida na última segunda-feira (26/10).

Durante o encontro, os representantes da Secretaria relataram também aos coordenadores e secretários dos conselhos participantes que 8.000 servidores serão convocados para auxiliar os trabalhos no dia da votação. 

Em relação à divulgação das eleições – um dos pontos mais cobrados pelos conselheiros presentes –, os representantes da administração municipal afirmaram que, após a publicação do edital, haverá publicidade do processo eleitoral por meio de jornais de bairro, rádio e TV.

Número provisório de candidatos e candidatas

Até o momento, de acordo com a secretaria, foram registradas 2.492 candidaturas ao Conselho Participativo Municipal em toda a cidade, sendo 60 postulantes às vagas destinadas aos imigrantes. Do total, 1.238 são homens e 1.254 são mulheres.

Os representantes da Secretaria, porém, destacaram que esses números são provisórios, pois há a possibilidade de algum registro de candidatura ainda não ter sido informado pelas subprefeituras e, além disso, outros podem vir a ser impugnados, conforme as regras previstas no processo eleitoral.

A relação definitiva dos candidatos e candidatas sairá no edital a ser publicado no dia 11 de novembro, segundo a Secretaria.

Na eleição, estarão em disputa 1.125 vagas para conselheiros brasileiros e 38 destinadas aos imigrantes, somando 1.163.

Pela legislação municipal, no mínimo, metade das vagas do Conselho Participativo deverá ser ocupada por mulheres. 

O secretário de Relações Governamentais, José Américo Dias, participou da reunião. 

Por Airton Goes, da Rede Nossa São Paulo.

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
No data was found

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.