No CCBB, diretor japonês Ko Nakahira tem primeira mostra no Brasil

A mostra, com curadoria da Fundação Japão, apresenta oito títulos, todos em película. Estão na programação o grande clássico do diretor, Paixão Juvenil, ao lado de outras produções que trazem gêneros diversos – incluindo comédia, suspense e ação –, assim como trabalhos mais literários do universo de Nakahira.

Uma oportunidade única e rara de se debruçar na obra de um dos mais inovadores cineastas do cinema japonês do pós-guerra, precursor da Nouvelle Vague japonesa.

Ko Nakahira

Um dos principais mestres atuantes na época dos Jogos Olímpicos do Japão, lançou três de seus filmes em 1964. A mostra reúne filmes com temas relacionados a juventude, ação, comédia, suspense e trabalhos mais literários do universo de Nakahira e será uma oportunidade única e rara de se debruçar no cinema desse cineasta japonês ainda pouco conhecido no Brasil, mas de fama internacional.

Contemporâneo de Nagisa Oshima e assistente de Akira Kurosawa, Ko Nakahira nasceu em Tóquio, em 1926. Filho de um pintor e de uma professora de violino, frequentou a Universidade de Tóquio, mas abandonou o curso para integrar o Shochiku Ofuna Studio, onde trabalhou como assistente de direção nos filmes “O Escândalo” e “O Idiota”, de Akira Kurosawa.

Mais tarde, mudou-se para a produtora de filmes Nikkatsu, com Shohei Imamura, que à época era assistente de direção.

Sua estreia como diretor aconteceu em “Paixão Juvenil”, que recebeu elogios consideráveis do diretor francês François Truffaut. Continuou com uma série de sucessos de bilheteria, tais como “O Cara e Eu”.

Em 1968, Nakahira deixou a Nikkatsu para, em 1971, fundar a Nakahira Productions, onde dirigiu “Uma Alma para os Demônios”, indicado à Palma de Ouro no Festival de Cannes.

O diretor, vítima de um câncer de estômago, morreu em setembro de 1978, aos 52 anos de idade.

Serviço

Mostra de Cinema Japonês: Especial Ko Nakahira
Data: 3 a 8 de agosto de 2016.
Local: Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo.
Endereço: Rua Álvares Penteado 112, Centro.
Capacidade: 70 lugares.
Classificação indicativa: 14 anos.
Mais informações: (11) 3113-3651/52.
Funcionamento da bilheteria: de quarta a segunda, das 9h às 21h.
Entrada gratuita – é necessário retirar senha uma hora antes de cada sessão, na bilheteria do local.
Acesso e facilidades para deficientes físicos.
Transporte gratuito até as proximidades do CCBB – embarque e desembarque na Rua Santo Amaro, 272 e na Rua da Quitanda, próximo ao CCBB. No trajeto de volta, tem parada no Metrô República.

Programação completa: www.bb.com.br/cultura

***
Fonte: Visite São Paulo.

 

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
No data was found

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.