A Introspecção, o celular e a capacidade de transformação

Olhar para dentro é o exercício que permite ultrapassar a parede do subconsciente para examinar a auto-imagem.

Dependendo do momento, a auto-imagem pode estar pendurada no lado da frente ou no lado de trás da parede.

Todas as suas atitudes, experiências, sentimentos, emoções, crenças e valores se juntam para formar a moldura que enquadra a auto-imagem.

Quando nos entregamos cegamente ao universo das tarefas e funções do dia a dia, nos deixamos levar pelas histerias coletivas agindo como animais no meio de uma manada. Lançamos nossa cabeça num buraco negro onde fervilham cerca de 50.000 PENSAMENTOS DIÁRIOS.

Comprovadamente, 50% desse total, PENSAMENTOS NEGATIVOS.

NOVENTA POR CENTO deles, apenas se repetem diariamente num fluxo contínuo até se desfazerem no mesmo lugar de onde vieram; ou seja, no nada.

Reduzimos nossa sensibilidade.

A capacidade de nos relacionarmos e de tomarmos as decisões mais básicas e necessárias são afetadas.

Nossa respiração sofre um abalo. Nossa palpitação aumenta.

Começamos a experimentar a sensação de estarmos num buraco cada vez mais profundo e escuro.

Partimos para as justificativas:

O Chefe. O filho. A mulher. A filha. O marido. A falta de espaço. O tempo. O vizinho.

A empresa. A casa. A demissão. A contratação. A promoção que veio. A promoção que não veio. etc. etc. ETC.

Nossa auto-imagem fica totalmente embaçada do lado de trás da parede do subconsciente.

Perdemos a noção do que somos.

Se por acaso você se identificar com esse momento É HORA DE PARAR.

E antes de qualquer coisa, é hora de construir um SILÊNCIO INTERNO.

A prática da INTROSPECÇÃO consciente, é o silêncio poderoso que te aproxima das tuas motivações e valores fundamentais.

É o tempo que você dedica para entender como os seus pensamentos, sentimentos e emoções estão lidando com seus desafios do presente.

Como você está lidando com esse momento da sua vida?

Você está se culpando?

Está culpando alguém?

Como você está lidando com o seu trabalho, com o seu chefe, com o seu sócio?Como você está se sentindo com relação aos seus amigos, seus companheiros, parceiros e família?

A INTROSPECÇÃO consciente, te coloca em silêncio profundo.

O Silêncio profundo estimula os sentidos, visão, audição, tato, olfato e paladar.

A INTROSPECÇÃO consciente EXPANDE os LIMITES.

É a forma mais eficaz para desenvolver uma AUTO-IMAGEM CONSCIENTE. 

AUTO-IMAGEM CONSCIENTE é o primeiro passo para transformar o presente.

Compreendendo o que acontece internamente pode-se criar perspectivas profissionais ou pessoais mais eficientes.

Dedique algum momento do seu dia para permanecer em silêncio.

Você pode fazer meditando, caminhando, nadando, ou simplesmente parando para olhar para dentro de si.

Existe um exercício muito simples que ensino para os meus amigos que eu chamo de micro meditação:

Feche os olhos, coloque a língua no céu da boca e INSPIRE sutilmente pelas narinas conduzindo o ar para o topo da cabeça. Segure o ar por alguns segundos antes de expirar suavemente. 

Experimente repetir essa respiração três vezes seguidas.

Não sabe como começar?

Experimente desligar o celular.

***
Adi Leite é Jornalista, Fotógrafo e Coach. 

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email
No data was found

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Cadastre-se e receba nossa newsletter com notícias sobre o mundo das cidades e as cidades do mundo.

O São Paulo São é uma plataforma multimídia dedicada a promover a conexão dos moradores de São Paulo com a cidade, e estimular o envolvimento e a ação dos cidadãos com as questões urbanas que impactam o dia a dia de todos.